Beleza   Tendências  

Os melhores bobs da história, de Victoria Beckham a Beyoncé

31 May 2019
By Radhika Seth e Hal Sear

Bobs há muitos, mas estes 32 são os mais icónicos. Do bob rebelde de Debbie Harry ao bob assimétrico de Victoria Beckham, traçamos a evolução deste corte de cabelo.

Bobs há muitos, mas estes 32 são os mais icónicos. Do bob rebelde de Debbie Harry ao bob assimétrico de Victoria Beckham, traçamos a evolução deste corte de cabelo.

© Getty Images. 

A bob fever não é de agora. Do cinema à Moda, passando ainda pela política, o corte de cabelo que fica pela altura do queixo é um sucesso há já algum tempo: basta pensarmos em Gwyneth Paltrown na comédia, de 2001, The Royal Tenenbaums e em Uma Thurman no clássico de 1994 Pulp Fiction; na modelo Linda Evangelista no final dos anos 90; e em Jackie Kennedy, com um bob quase sempre meio escondido debaixo de um chapéu pillbox.

Popularizado pelas estrelas do cinema mudo de Hollywood no início da década de 1920 — e, por cá, por uma jovem Beatriz Costa — o bob assumia-se como um corte versátil. Josephine Baker encaracolava as pontas dos cabelos, Clara Bow era adepta de ondulados naturais e Louise Brooks, com a sua franja rectilínea e o seu cabelo negro e brilhante cortado pelas maçãs do rosto, inspirou inúmeras mulheres (veja-se Anna Karina no filme Vivre Sa Vie, Liza Minnelli em Cabaret e Audrey Tautou em O Fabuloso Destino de Amélie Poulain).

Avançando rapidamente para a década de 1960, vemos que o bob era o corte de cabelo favorito de designers como Mary Quant e Jean Muir. Já Debbie Harry definiu a estética dos anos 70 e 80 em matéria capilar com o seu bob desgrenhado, rebelde como ela. Desde então, parece que já todas as pessoas assumiram, em algum momento, este corte de cabelo. Rihanna e Beyoncé já tiveram a sua fase bob, assim como Natalie Portman e Keira Knightley, mas poucos bobs foram tão marcantes quanto o assimétrico de Victoria Beckham em 2006, que ficou conhecido por “pob” (“posh spice bob”).

Nos últimos meses, temos assistido ao ressurgimento deste corte, especialmente nas passadeiras vermelhas. Na cerimónia dos Óscares de 2019, Charlize Theron, Emilia Clarke e Irina Shayk provaram que o bob e o castanho-chocolate são o corte e a cor de cabelo do momento. Entretanto, na Met Gala, vimos Lucy Boynton e Charli XCX renderem-se ao bob.

A derradeira prova de que este corte, tão cedo, não vai a lado nenhum está na cabeça de Harper Beckham: seguindo as pisadas da mãe, Victoria, a filha mais nova dos Beckham chegou à Semana de Moda de Londres com um novo visual. Um bob, pois claro.

Radhika Seth e Hal Sear By Radhika Seth e Hal Sear

Relacionados


Inspiring Women   Lifestyle  

Dia da mulher | 5 séries sobre mulheres, para todos

01 Mar 2024

Moda   Coleções  

MFW outono/inverno 2024 | Na Semana de Moda de Milão, o jogo de cadeiras não pára

29 Feb 2024

Tendências  

Nailed it

29 Feb 2024

Moda   Eventos  

PFW Backstage | Cecille Bahnsen

29 Feb 2024