Artigo Anterior

Oito filmes que colocam a mulher no centro da exploração espacial

Próximo Artigo

Na Pele Dela: o projeto fotográfico que coloca homens em cenários tipicamente femininos

Agenda 19. 8. 2019

Amazing Grace: filme-concerto de Aretha Franklin estreia-se em Portugal

by Mónica Bozinoski

 

Gravado em 1972, numa igreja em Los Angeles, o arrepiante e eletrificante Amazing Grace de Aretha Franklin vai chegar às salas de cinema portuguesas a 12 de setembro, num filme-concerto daquele que é um dos maiores álbuns gospel de todos os tempos.

©D.R. 

Foi no dia 16 de agosto de 2018 que o mundo perdeu Aretha Franklin — mas a voz, a presença, o poder e a influência da Rainha do Soul, da cantora que fazia magia em qualquer estilo musical, da diva de todas as divas, continuam vivas em cada canto e cada esquina, para nos relembrar o porquê de Aretha Franklin ser, hoje e sempre, uma das maiores cantoras norte-americanas.

Agora, um ano depois da sua morte, Aretha Franklin vai chegar ao grande ecrã com Amazing Grace, um filme-concerto da gravação do álbum homónimo de 1972, um dos mais vendidos da cantora e um dos mais aclamados e bem sucedidos álbuns de gospel de todos os tempos, no qual ficaram imortalizados temas como Mary, Don't You Weep, Climbing Higher Mountains e, claro, Amazing Grace. 

Gravado durante dois dias do mês de janeiro do mesmo ano, perante a congregação da Igreja do Reverendo James Cleveland, em Los Angeles, o filme-concerto Amazing Grace promete levar o álbum do mesmo nome, já por si verdadeiramente arrepiante e eletrizante, a um novo patamar. "Ela estava ali para um serviço religioso", explicou Sabrina Owens, sobrinha de Aretha Franklin, ao The Guardian. "A forma como ela se conduziu a si mesma naquele momento foi totalmente diferente daquela dos seus concertos pop. Os olhos dela estavam fechados. A cabeça dela estava para trás. Ela estava inteiramente focada em algo maior." 

Originalmente realizado por Sydney Pollack, responsável por longas-metragens como Tootsie, Eyes Wide Shut e Out of Africa, o filme documental foi posteriormente continuado por Alan Elliot depois da morte do realizador, em 2008. Apesar de ter atravessado diversos problemas técnicos e entraves devido à falta de autorizações, Amazing Grace acabou por ver a luz do dia em novembro de 2018, data em que se estreou no festival DOC NYC, em Nova Iorque. Depois de ter sido exibido em diversas salas de cinema nos Estados Unidos da América, na Irlanda, no Reino Unido, na Austrália e em França, o projeto está finalmente (e, felizmente) pronto para aterrar em Portugal a 12 de setembro.

Artigos Relacionados

Inspiring Women 6. 9. 2018

Música para os nossos ouvidos: de mulher para mulher

Numa indústria maioritariamente masculina, há mulheres que chegaram ao mundo não para ser estrelas, mas constelações inteiras. E é nelas que devemos pôr os ouvidos.

Ler mais

Tendências 5. 9. 2018

Melodias divinas

A edição de setembro da Vogue (nas bancas) só fica completa com uma playlist à medida. Percorremos os êxitos das Divas de sempre e o resultado está numa seleção musical que vai querer ouvir em loop.

Ler mais

Editorial 5. 9. 2018

Setembro 2018

Aretha, the queen of soul, the queen of divas.

Ler mais

Curiosidades 16. 8. 2018

Aretha, até sempre

Hoje, despedimo-nos de Franklin, mas apenas fisicamente. Para a posterioridade, temos o seu legado musical para relembrar a grandiosidade de um ícone transversal a gerações.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK