Lifestyle   Roteiro  

Os cenários dos filmes nomeados para os Óscares de 2018

15 Feb 2018
By Rui Matos

Se está a planear as suas férias, tenha em atenção este roteiro cinematográfico.

À porta está mais uma edição, a 90ª, dos prémios da Academia. Os filmes estão nas salas de cinema e as apostas para os grandes vencedores vão se fazendo entre conversas de amigos. Mas até chegar ao grande ecrã, todas as peliculas passaram pelo processo de gravação, que envolveu gravar em cenários reais e deixar para trás os estúdios.

Os nomeados para a grande gala já são conhecidos, agora chegou a hora de revelar alguns dos lugares escolhidos para gravar algumas cenas. Se está a pensar em tirar férias tenha atenção a alguns destes lugares.

The Florida Project, 1 nomeação

É um conto de fadas dos tempos modernos. A pelicula de Sean Baker concorre a uma categoria com Willem Dafoe para Melhor Ator Secundário. O grande motel cor-de-rosa que, no filme, serve de casa às protagonistas é na realidade um motel localizado em Kissimmee e chama-se Magic Castele Inn & Suites Motel.

Call Me By Your Name, 4 nomeações

Com realização de Luca Guadagnino e protagonizado por Timothée Chalamet, Call Me By Your Name é um dos filmes mais queridos por parte do grande público, conseguindo arrecadar quatro nomeações, sendo uma delas para Chalamet na categoria de Melhor Ator, fazendo dele um dos mais jovens a ser nomeado em 80 anos.

Filmado no norte de Itália, na primavera de 2016, além de nos trazer uma das histórias de amor mais lindas da award season, ofereceu-nos cenários idílicos da cidades italianas de Lombardia e Crema onde foram gravadas algumas das cenas, sem esquecer as Cascadas del Serio, que são as mais altas do país. O Lago de Garda, na cidade de Sirmione, também tem o seu momento ao longo das quase duas horas de filme.

Três Cartazes à Beira da Estrada, 7 nomeações

No título original, a película que ganhou o Golden Globe para Melhor filme, Three Billboards Outside Ebbing, Missouri, a cidade de Ebbing (Missouri) não existe, foi um invenção do realizador, Martin McDonagh. O filme foi rodado em Sylva, uma pequena cidade na Carolina do Norte que não tem mais do que 2.500 habitantes.

Desde o lançamento do filme, na pequena cidade de Sylva, já estão a ser organizadas tours pelos lugares onde foram gravadas algumas cenas. A cidade localiza-se perto do Parque Nacional Great Smoky Mountains, considerado Património da Humanidade pela UNESCO.

Star Wars: Os Últimos Jedi, 4 nomeações

Os cenários idílicos da série cinematográfica mais longa da história do cinema pode ser visitada por qualquer um. A ilha rochosa de Skellig Michael, na Irlanda, é palco do tão aguardado encontro entre Rey e Luke Skywalker. O Deserto de Sal, em Uyuni, Bolívia, é um dos maiores do mundo, uma verdadeira rareza geográfica formada por lagos pré-históricos que, ao secar-se deixaram mais de 10 mi milhões de toneladas de sal.

A cidade medieval de Dubrovnik, na Croácia, é uma das mais requisitadas de Hollywood: é palco da série Guerra dos Tronos e agora do mais recente episódio de Star Wars, aqui como Canto Bright, uma cidade casino.

Lady Bird, 5 nomeações

A história autobiográfica de Greta Gerwig, protagonizada por Saoirse Ronan, foi rodada na capital da California, Sacramento, a cidade que viu nascer a realizadora. A Tower Bridge é um dos símbolos mais emblemáticos da cidade e também de uma das cenas do filme. A parte leste da cidade é conhecida como Fabulous Forties onde estão sediadas as casas mais ricas de Sacramento - a casa azul que aparece no filme já é considerada o novo ponto turístico.

Linha Fantasma, 6 nomeações

A costa do condado britânico de Yorkshire foi palco do último filme de Daniel Day-Leweis, que tenciona aposentar-se da vida artística depois deste trabalho. Linha Fantasma conta a história de Reynolds Woodcock, um designer de Moda muito conhecido nos anos 50.

Staithes é uma das cidades mais belas da costa nordeste de Inglaterra e serviu de cenário para várias das cenas captadas pelas câmaras de Paul Thomas Anderson. A casa de Woodcock é, na verdade, a mansão Marylebone, localizada no luxuoso bairro londrino de Fitzroy e que, inclusive, está à venda por 15 milhões de libras.

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Opinião  

Got Milk?

18 May 2024

Moda  

12 small brands que vale (muito) a pena conhecer

17 May 2024

Notícias  

As melhores lojas vintage de Lisboa

17 May 2024

Curiosidades  

Os 6 álbuns de vingança mais famosos da história da música

16 May 2024