Lifestyle   Roteiro  

Os 15 livros que vamos querer ler em 2021

03 Feb 2021
By Rui Matos

Disclosure: esta é uma daquelas listas que está em constante atualização. O melhor a fazer é guardar este artigo na sua tab de favoritos e visitar de vez em quando.

Disclosure: esta é uma daquelas listas que está em constante atualização. O melhor a fazer é guardar este artigo na sua tab de favoritos e visitar de vez em quando.

Virámos a página. Pusemos uma pedra bem pesada em cima de 2020. O mês de janeiro já lá vai e com ele foi também aquela pressão social de mudarmos por completo as nossas vidas à meia noite de 31 de dezembro - mas alguém ainda acredita que da noite para o dia nos vamos transformar numa pessoa diferente? 

A nossa rotina, pelo menos durante as próximas semanas, não vai mudar tanto assim. É por casa que vamos estar e é dentro dessas quatro paredes que nos vamos refugiar. Já conhecemos o catálogo das plataformas de streaming de trás para a frente, os novos lançamentos já não nos entusiasmam assim tanto, não fizemos muito mais do que pôr em dia todas as séries e filmes que tínhamos em atraso. Passamos 2020 agarrados às redes sociais e a tudo o que é digital - uma realidade que não se vai dissipar assim tão rapidamente. Mas em 2021 podemos diminuir, de uma vez por todas, o tempo que passamos colados aos ecrãs. Como? Através dos livros.

Esta é a altura perfeita para mergulharmos na nossa reading list e desligarmos do mundo lá fora (nem que seja durante 30 minutos), encontrar um escape em histórias reais ou ficcionadas, através da poesia ou da prosa. O que não faltam são sugestões e neste artigo reunimos os lançamentos que vamos ter debaixo de olho. É provável que alguns ainda não estejam disponíveis, mas se ficou entusiasmado com algumas destas sugestões, faça um favor a si mesmo e pré-encomende, considere essa ação como um presente do seu antigo eu.

Let Me Tell You What I Mean, Joan Didion

De uma das escritoras mais influentes da sua geração, chega uma coleção de essays que nos oferece um vislumbre da mente deste nome incontornável da literatura. São registos retirados, em grande parte, dos primeiros anos da sua carreira de mais de cinco décadas, originalmente publicados na The Saturday Evening Post, no The New York Times e na The New Yorker. Cada essay transborda as marcas registada de Didion: incisiva, complexa, visionária, anti-sentimentalista, prosa rítmica e, acima de tudo, a sua inteligência.

Let Me Tell You What I Mean foi editado a 26 de janeiro de 2021.

The Beauty of Living Twice, Sharon Stone

O memoir de Sharon Stone começa em 2001 no hospital depois de acordar de um incidente que quase a matou. A ascensão da atriz norte-americana dá-se à luz da década de  90 quando se tornou num sex symbol de Hollywood - e mundial - pelas suas personagens em Basic Instinct e Casino. Pela primeira vez, Stone deixa-nos entrar no seu mundo e conta-nos como é que recompôs a sua vida depois de um evento trágico como aquele que viveu há 20 anos.

The Beauty of Living Twice é editado a 30 de março de 2021. 

My Year Abroad, Chang-are Lee

A vida de Tiller, um jovem que vive em New Jersey, muda por completo quando este conhece Pong, um carismático empresário sino-americano. Juntos viajam pelo continente asiático com um elixir que Pong acredita ser o seu próximo sucesso. Através de uma “prosa precisa e elíptica”, como o The New York Times caracteriza Lee, este romance é também uma imersão cultural com humor, escuridão, elementos eletrizantes com grandes surpresas e muito suspense. 

My Year Abroad foi editado a 02 de fevereiro de 2021. 

Fake Accounts, Lauren Oyler 

Pouco antes de Donal Trump assumir a presidência dos Estados Unidos da América, a narradora do livro de Oyler descobre que o seu namorado é conspirador digital, que eventualmente se muda para Berlim. Mas não é sobre o término de uma relação, a estreia de Lauren Oyler na ficção literária mergulha na complexidade da vida online e a forma de como ela se transforma em realidade. 

Fake Accounts foi editado a 02 de fevereiro de 2021. 

No One is Talking About This, Patricia Lockwood

Esta é a história de uma celebridade que se torna viral em todo o mundo devido aos seus tweets e que só se apercebe que há vida além de um ecrã quando uma tragédia familiar lhe cai em cima do colo. É depois dessa experiência que a protagonista desta história se apercebe que internet não é o único lugar para se ‘viver’. Um livro que levanta questões como: “Será que a exposição online muda de forma fundamental a forma como vivemos?

No One Is Talking About This é editado a 16 de fevereiro de 2021.

Under A White Sky: The Nature of the Future, Elizabeth Kolbert

Foi com o livro The Sixth Extinction, premiado com o Pulitzer, em 2015, que Kolbert nos alarmou para o desastre ecológico causado pelo Homem. Agora, a autora investiga se algum dos nossos esforços podem salvar o planeta, após tantos danos. 

Under A White Sky: The Nature of the Future é editado a 09 de fevereiro de 2021.

Mike Nichols: A Life, Mark Harris

Com uma carreira singular, Mike Nichols encenou quatro peças de teatro que se tornaram verdadeiros sucessos de bilheteira, estreou-se no Cinema com Who’s Afraid of Virginia Woolf? E seguiu-se The Graduate. O sucesso tanto comercial, como da parte da crítica foi instantâneo. Para retratar vida de Nichols, o veterano Mark Harris entrevistou nomes como Meryl Streep, Gleen Close e Stephen Sondheim para um retrato claro e bastante fiel. 

Mike Nichols: A Life foi editado a 02 de fevereiro de 2021.

Milk Fed, Melissa Broder 

Depois do sucesso mundial com o livro de estreia The Pisces, 2018, Melissa Broder cria uma história vertiginosamente envolvente de amor, luxúria, vício, fé, desejo materno e frozen yogurt. Uma jovem assistente de uma agência de talentos baseada em Los Angeles luta contra a obsessão de perde peso enquanto tenta disfarçar a sua atração pela empregada da loja de frozen yogurt, uma mulher judia ortodoxa. “Este não é um livro para ser lido casualmente, sobretudo se já se debateu com problemas alimentares, mas ficará consigo muito tempo depois de terminar a última página,” escreve Emma Spectre na Vogue US.

Milk Fed foi editado a 02 de fevereiro de 2021. 

Klara and the Sun, Kazuo Ishiguro

Esta é a primeira publicação de Kazuo Ishiguro depois de em 2017 ter sido laureado com o Prémio Nobel da Literatura. Neste livro o autor dá-nos a conhecer Klara, uma amiga artificial projetada para ser a companheira de uma criança. Quando Klara é adotada por uma adolescente chamada Josie a sua amizade é ameaça pela doença terminal de Josie. Um livro terno e cheio de suspense, que se debruça sobre questões intemporais de personalidade e moral. 

Klara and the Sun é editado a 02 de março de 2021.

Mona, Pola Oloixarac 

A personagem principal deste livro é Mona, uma jovem e talentosa escritora, sem um direção muito concreta na vida. Nesta história, Mona viaja para a Suécia, onde foi indicada a um prémio literário, o mais importante da Europa. Mas um acontecimento na manhã da sua viagem toma conta dos seus pensamentos. Este livro é uma sátira à sociedade literária, ainda muito masculina,   mas ao mesmo tempo é uma história trágica de como a identidade pode ser mercantilizada. 

Mona é editado a 16 de março de 2021. 

Black Girl, Call Home, Jasmine Mans

Nesta coleção de poemas, a artista Jasmine Mans conta-nos como é ser uma mulher negra queer de Newark através de uma linguagem clara e muito precisa. Este livro é um companheiro vital para qualquer mulher que esteja à procura do seu verdadeiro eu. 

Black Girl, Call Home é editado a 09 de março de 2021.

Open Water by Caleb Azumah Nelson

Uma história de amor devastadora que se desenrola entre dois jovens negros britânicos que se apaixonam no sul de Londres, ambos lutaram para entrar numa escola privada de artes - ele é fotógrafo, ela bailarina. A prosa lírica de Nelson, neste que é o début literário, explora a vulnerabilidade e as complexidades cruas do amor enquanto homenageia a arte negra. A crítica especializada não lhe poupa elogios. 

Open Water é editado a 04 de fevereiro de 2021. 

Gay Bar, Jeremy Atherton Lin

Esta é uma obra complexa que se propõe a narrar as discotecas e bares gay da sua juventude, com o objetivo de contar a história dos espaços LGBTQIA+ da forma mais ampla possível. Durante uma pandemia como aquela que estamos a viver, estes espaços queer estão a ser fortemente atacados, muitas vezes sem qualquer tipo de ajuda. É uma leitura essencial para 2021. 

Gay Bar é editado a 09 de fevereiro de 2021.

A Bright Ray of Darkness, Ethan Hawke

Este é o primeiro livro de Hawke em quase 20 anos. O ator, realizador e autor regressa com uma história empolgante de um jovem que se vai estrear na Broadway. Uma história sobre arte, amor, fama e vários desgostos. Neste livro, Hawke mostra todos os seus dons enquanto romancista. 

The Twilight Zone, Nona Fernández 

A romancista chilena tem vindo compor retratos perturbadores da vida durante a ditadura militar do Chile, depois de Space Invaders, de 2015, Fernández volta à temática com um livro igualmente assustador. Nesta nova história, o narrador, um documentarista, vasculha obsessivamente as confissões de um ex-oficial militar para reimaginar os momentos finais das pessoas que torturou. Mas no processo da sua pesquisa, o narrador vai mais além e apresenta crimes da ditadura chilena, revelando assim um universo alternativo que assombra a psique da nação. 

The Twilight Zone é editado a 16 de março de 2021. 

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Moda   Coleções  

MFW outono/inverno 2024 | Na Semana de Moda de Milão, o jogo de cadeiras não pára

29 Feb 2024

Tendências  

Nailed it

29 Feb 2024

Moda   Eventos  

PFW Backstage | Cecille Bahnsen

29 Feb 2024

Lifestyle  

Hermès: reabertura da icónica loja em Lisboa

28 Feb 2024