Artigo Anterior

BAFTA 2019: o preto e o romantismo da passadeira vermelha

Próximo Artigo

Óscares 2019: todos os looks da passadeira vermelha e os vencedores

Eventos 21. 2. 2019

Brit Awards 2019: o top 15 da passadeira vermelha

by Rui Matos

 

Das plumas de Jorja Smith à renda Gucci de Florence Welch, reunimos os 15 coordenados que nos chamaram atenção na passadeira vermelha dos Brit Awards. 

© Getty Images 

Na noite de 20 de fevereiro, em Londres, a indústria musical celebrou-se em mais uma edição dos Brit Awards, mas como é tradição, antes de chegarmos aos vencedores, olhamos para a passadeira vermelha, onde se destacaram duas das principais tendências da primavera/verão 2019.

A primeira: as plumas, esse material delicado, mas imponente, e o caminho mais rápido para um momento Ginger Rogers em Chapéu Alto (1935), quando dança ao som de Cheek to Cheek com Fred Astaire. Depois de marcarem presença nos desfiles de GucciValentinoMarc Jacobs, surgiram nos Brit Awards nas escolhas de Camille Charrière, Jorja Smith e Olly Alexander. 

A segunda: a renda, sempre livre, leve e transparente na medida certa. Que no Gucci de Florence Welch foi romance puro, e no Christopher Kane de Dua Lipa a personificação da sensualidade. 

Lista de vencedores:

Artista Masculino Britânico: George Ezra
Artista Feminina Britânica: Jorja Smith
Artista Revelação: Tom Walker
Melhor Música Britânica: One Kiss - Calvin Harris & Dua Lipa
Melhor Álbum Britânico: A Brief Inquiry Into Online Relationships - The 1975
Melhor Vídeo Britânico: Woman Like Me (feat. Nicki Minaj) - Little Mix
Melhor Artista Masculino Internacional: Drake
Melhor Artista Feminina Internacional: Ariana Grande
Melhor Grupo Internacional: The Carters
Melhor Produtor britânico: Calvin Harris
Escolha da Crítica: Sam Fender
Prémio de Sucesso Global: Ed Sheeran
Homenagem pela contribuição extraordinária à música: Pink

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK