Artigo Anterior

Burberry: primavera/verão 2019

Próximo Artigo

Rejina Pyo: primavera/verão 2019

Coleções 18. 9. 2018

Christopher Kane: primavera/verão 2019

by Mónica Bozinoski

 

Sob o mote "Sex in Nature", a voz do narrador e naturalista britânico David Attenborough acompanhou a apresentação dos coordenados para a primavera/verão 2019 de Christopher Kane, apresentados no último dia da Semana de Moda de Londres.

©Imaxtree

 

No ano que viu o despertar de movimentos como #MeToo ou Time's Up, numa discussão honesta e urgente sobre o poder feminino e a igualdade de género, Christopher Kane decidiu levar a conversa sobre os direitos das mulheres a outro patamar, com um desfile onde o tema central - o sexo -, chegou de forma tão inesperada como intelectual. "Eu e a Tammy, nós entendemos o sexo de forma diferente de todas as outras pessoas", confessou o criador à edição britânica da Vogue, referindo-se à irmã e braço direito Tammy Kane, e às suas conversas sobre o assunto. "É intelectual. Não vês isto em mais lado nenhum. É subversivo. As mulheres que se vestem em Christopher Kane não se vestem para ninguém, a não ser para elas mesmas. Esta é a ideia central". 

Inspirada nas "mulheres dominantes", a abordagem de Kane foi acompanhada por uma narração de David Attenborough que, segundo o próprio criador, é uma conversa entre o naturalista britânico e Marilyn Monroe. "A Marilyn fala sobre como ela própria era uma criatura sexual, e era desprezada por isso. O David, por outro lado, está a falar de um desejo sexual nos animais, e como nós somos tão parecidos com eles nesse sentido", explicou. 

Estas mesmas referências à faceta sexual do reino animal, num jogo entre sexo e morte, acompanharam os coordenados de Christopher Kane sob a forma de t-shirts e blusas de gola alta, com cenários retirados da Natureza e inscrições como Foreplay, Sexual Cannibalism ou Horsepower. A aura sexual estendeu-se ainda a silhuetas poderosas e ferozes, com coordenados decorados com jóias, ombros exagerados, rendas, transparências e materiais luxuosos que pareciam derreter no corpo das modelos como uma segunda pele. 

Artigos Relacionados

Coleções 18. 9. 2018

Burberry: primavera/verão 2019

A estreia de Riccardo Tisci à frente da britânica Burberry chega repleta de básicos intemporais, em propostas para homem e mulher.

Ler mais

Coleções 18. 9. 2018

Richard Quinn: primavera/verão 2019

Se dúvidas restassem que Richard Quinn é um mestre na arte de criar e conjugar padrões, as propostas para a próxima estação quente do designer britânico foram a prova dos nove.

Ler mais

Coleções 18. 9. 2018

Erdem: primavera/verão 2019

Os clássicos estampados florais estão de regresso nas propostas para a estação quente do criador Erdem Moralioglu.

Ler mais

Coleções 18. 9. 2018

Delpozo: primavera/verão 2019

A leveza invadiu a passerelle nas propostas de Josep Font para o verão da Delpozo.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK