Entering the picnic zone
Artigo Anterior

Sabores cosmopolitas

Próximo Artigo

Os 10 hotéis mais instagramáveis de sempre

Roteiro 16. 7. 2018

Entering the picnic zone

by Ana Carvas

 

Declaramos aberta a época dos piqueniques em parques citadinos. Quer descobrir os melhores spots para estender a toalha na relva? A Vogue ajuda.

©iStock

Encontrar um lugar ao sol no meio da cidade pode ser uma tarefa desesperante, mas não impossível. Da Quinta das Conchas ao Jardim da Estrela, pequenos jardins em zonas centrais das grandes cidades são cada vez mais procurados por quem não aprecia banhos de sol à beira mar ou pretende fugir à confusão da zona litoral. A pensar em quem fosta do convívio em harmonia com a natureza, estes são os 5 parques em Lisboa que funcionam como refúgio urbano ao ar livre.

Jardim da Estrela

Em frente à reconhecida Basílica da Estrela, instalou-se em 1852 o jardim de inspiração romântica mais popular da capital. Repleto de estátuas que lhe conferem um lado artístico e misterioso, e um coreto na zona central, é o parque com mais vegetação tropical por metro quadrado, com flora oriunda dos quatro cantos do mundo. Está aberto todos os dias entre as 7h e as 00h. 

Mata de Alvalade

Também conhecida como Jardim José Gomes Ferreira, o espaço verde que conta com dois parques de merendas (com mesas, bebedouro e zona de churrascos), está aberto 24 horas e tem cerca de 11 hectares de área. Um espaço único no coração da cidade repleto de vegetação selvagem, ideal para levar os amigos de 4 patas. 

Jardim do Campo Grande

Considerado o maior espaço verde da zona centro da capital, é também o único onde pode alugar um barco a remo e dar um passeio no lago do jardim. Desfrutar da natureza na sua plenitude, com um cesta e toalha de piquenique no centro da cidade nunca soou tão bem.

©D.R.

Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian

Num registo mais citadino, o jardim que rodeia o Museu Calouste Gulbenkian é um dos “mais emblemáticos do movimento moderno em Portugal e uma referência para a arquitetura paisagista portuguesa”, pode ler-se no site oficial da Gulbenkian. Por isso mas não só, é a escolha perfeita para banhos de sol na relva, à volta do lago, num ambiente acolhedor e refrescante. Encontra-se aberto todos os dias, do nascer ao pôr-do-sol. 

Quinta das Conchas

Situado no Lumiar, na alta de Lisboa, o jardim da Quinta das Conchas é perfeito para um piquenique em família. Com um parque infantil, sessões de cinema ao ar livre nas noites de verão e caminhos para bicicletas, para os mais destemidos e aventureiros, o relvado ocupa um total de 24 hectares. Está aberto entre as 6h e a 1h da manhã. 

Para que não falte nada, selecionámos os melhores artigos para pegar e meter na cesta, aqui.

Artigos Relacionados

Compras 2. 7. 2018

Fruta da época

Porque nunca houve altura mais perfeita para cheirar (e ficar a cheirar) a fruta.

Ler mais

Tendências 25. 5. 2018

A sorte está lançada

Seja através do tarot ou de qualquer outro movimento esotérico, a indústria da Moda tem sido influenciada por forças e elementos, uma relação que nos remete para os primórdios do século XX, quando Christian Dior visitou pela primeira vez uma vidente.

Ler mais

Palavra da Vogue 10. 5. 2018

Piquenique urbano

Num jardim no meio da cidade, estende-se a toalha, pousam-se as cestas de vime e o sonho de uma vida no campo aproxima-se um pouco da realidade.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK