Lifestyle   Roteiro  

Roteiro Vogue: 10 destinos de lua de mel

15 Jul 2019
By Emily Chan

Nada contra as Maldivas, nada contra a Jamaica, mas há (felizmente) muitos outros destinos para celebrar a lua de mel. Reunimos duas mãos cheias de sugestões off the radar para os recém-casados que procuram aliar o romance à aventura.

Nada contra as Maldivas, nada contra a Jamaica, mas há mais destinos para celebrar a lua de mel. Reunimos duas mãos cheias de sugestões off the radar para os recém-casados que procuram aliar o romance à aventura.

© Getty Images.

De Paris às Maldivas, alguns lugares parecem ser verdadeiros ímanes para os recém-casados. Encontrar destinos de lua de mel verdadeiramente únicos parece ser, por estes dias, um enorme desafio, mas para aqueles que não querem seguir as tendências, muito menos celebrar a lua de mel num local com tantos outros casais, existem alternativas. Abaixo, reunimos não dois nem cinco, mas sim 10 destinos inusitados para viajar a dois.

1. Ilhas Andamão

Alternativa a: MaldivasQuando visitar: de novembro a maio

Localizadas entre a Índia e o Myanmar, as ilhas Andamão são a escolha perfeita para os casais que procuram belas praias, longe dos destinos de lua de mel. Instale-se no isolado Jalakara Hotel, na ilha Havelock, um boutique hotel com apenas sete quartos cercado por uma floresta tropical. Mergulho, caminhadas na selva e passeios pelas ilhas são as atividades à disposição dos turistas. A ilha Neil, a uma hora de barco da ilha Havelock, também vale bem a pena uma visita.

2. Bequia

Alternativa a: BarbadosQuando visitar: de janeiro a maio

Bequia, a segunda maior ilha do arquipélago caribenho São Vicente e Granadinas, ainda é um local relativamente desconhecido, em comparação com a Jamaica e os Barbados. Tem inúmeras praias de areia branca que não precisam de nenhum filtro de Instagram — vá para oeste para visitar duas das melhores praias da ilha, a praia da Princesa Margaret (onde a irmã mais nova da Rainha Isabel II terá nadado) e a Lower Bay. Os verdadeiros tesouros de Bequia, no entanto, estão escondidos no lado nordeste da ilha, em concreto no santuário de tartarugas Old Hegg Turtle Sanctuary.

Bequia © iStock.
Bequia © iStock.

3. Palau

Alternativa a: Bora BoraQuando visitar: de dezembro a maio

Composto por mais de 200 ilhas, Palau é um paraíso para os fãs do documentário Planeta Terra e é um destino perfeito para quem quer que a sua lua de mel seja uma lição em história natural. O mergulho é a principal atração deste arquipélago do Pacífico, graças aos seus recifes impressionantes e a vestígios subaquáticos da Segunda Guerra Mundial. De volta à terra firma, pode caminhar pelas selvas do Palau, com cascatas e monumentos históricos; de seguida, faça um passeio de helicóptero e sobrevoe as impressionantes Rock Islands (ilhas Chelbacheb), património Mundial da UNESCO.

4. Ilhas Galápagos

Alternativa a: BornéuQuando visitar: de janeiro a maio

Quer uma lua de mel selvagem? Com os seus animais exóticos — pense em leões marinhos, pinguins, iguanas e flamingos, por exemplo —, as ilhas Galápagos são o destino a ter em vista (os seus arredores inspiraram Charles Darwin a desenvolver sua Teoria da Evolução em 1835). O melhor é ficar alojado numa das quatro ilhas habitadas — Santa Cruz, San Cristobal, Isabela e Floreana — e, de lá, partir de barco à descoberta de outros locais do arquipélago. Para os amantes da praia, a Tortuga Bay, em Santa Cruz e a Gardner Bay, em Española, são imperdíveis.

5. Parque Nacional da Gorongosa, Moçambique

Alternativa a: Reserva Nacional Masai Mara, QuéniaQuando visitar: de abril a novembro

Para uma viagem (esperançosamente) única na vida, um safari é uma escolha óbvia. Se procura fazer um safári onde todos os seus amigos casados ainda não estiveram, experimente o do Parque Nacional da Gorongosa, em Moçambique. A reserva de caça sofreu uma enorme transformação nos últimos 15 anos, depois de ter sido destruída pela guerra civil do país (que terminou em 1992), e agora abriga mais de 100.000 animais, incluindo leões, elefantes, hipopótamos e crocodilos. Fique hospedado numa das luxuosas moradias do Montebelo Gorongosa Lodge & Safari, dentro do parque.

6. Butão

Alternativa a: CambodjaQuando visitar: março a maio

Situado no extremo leste dos Himalaias, o Butão, com a sua paisagem exuberante e os seus remotos mosteiros — incluindo o Taktsang, em Paro Valley — promete ser um santuário sagrado. A trilha Druk Path Trek, que se estende de Paro, no oeste, até à capital, Thimphu, é o sonho dos que querem conhecer o território a pé, oferecendo vistas privilegiadas para as montanhas, as florestas de pinheiros e os lagos. Todavia, esta é uma lua de mel que exige alguma cautela no planeamento, uma vez que os vistos para turistas só são aprovados em caso de reservas com operadores turísticos.

Butão © Getty Images.
Butão © Getty Images.

7. Areias de Wahiba, Omã

Alternativa a: deserto do Saara, MarrocosQuando visitar: de outubro a março

O deserto é, talvez, o melhor destino para se afastar de tudo. Entram em cena as areias de Wahiba, no Omã. O camping de luxo torna a tradição beduína numa experiência digna de lua de mel: escolha exatamente o lugar onde quer acampar nas dunas, deixe que um Chef de cozinha particular cuide do jantar e mantenha-se acordado para observar as estrelas. A solidão romântica do deserto fica a apenas a quatro horas de carro da capital do país, Muscat, pelo que reservar alguns dias da viagem para conhecer este destino também é uma boa ideia.

8. Antártida

Alternativa a: LapóniaQuando visitar: de novembro a março

O deserto gelado e imprevisível da Antártica permanece, felizmente, distante, estando apenas acessível entre novembro e março, por via de um dos cruzeiros de expedição, que fazem um ou dois desembarques por dia. Depois de um turbilhão de planeamentos para o casamento, este é o lugar ideal para se reconectar e ganhar uma perspectiva real.

9. Kotor, Montenegro

Alternativa a: Costa amalfitana, ItáliaQuando visitar: de abril a setembro

O charme mediterrâneo de Kotor, em Montenegro, é o cenário perfeito para os recém casados se apaixonarem ainda mais. A Cidade Velha foi fundada antes da época de Homero, combinando monumentos históricos como a igreja de Nossa Senhora da Saúde, com tradicionais telhados vermelhos, ruas sinuosas e detalhes medievais. Suba a Fortaleza de São João para ter vistas deslumbrantes sobre a cidade.

Montenegro © Getty Images.
Montenegro © Getty Images.

10. Sevilha, Espanha

Alternativa a: Paris, FrançaQuando visitar: de março a junho

Paris? Há muita pressão associada à 'cidade do amor'. Veneza? Possivelmente, foi onde aconteceu o pedido de casamento. Barcelona? Foi o local das despedidas de solteiro. Mas Sevilha, até então, tem estar longe do radar romântico. Com a sua bela arquitetura mourisca e praças banhadas pelo sol, esta cidade é a melhor versão do sul da Espanha. Gaste os dias a passear pelos jardins do palácio Alcázar, vá até à Praça de Espanha pelo canal da cidade — parando pelo menos a cada meia hora para comer umas tapas e beber sangria.

 

Emily Chan By Emily Chan

Relacionados


Agenda  

Lisbon Design Week 2024 | A semana dedicada ao design começa hoje

22 May 2024

Tendências  

Who let the baby bump out?

22 May 2024

Compras   Roteiro  

As melhores lojas vintage da Europa

22 May 2024

Moda  

For life

22 May 2024