Artigo Anterior

The woman behind the curtain: os artistas que se escondem atrás de máscaras

Próximo Artigo

Hashtag: #pub

Tendências 29. 11. 2022

Casamentos de inverno: o que fazer e não fazer

by Elise Taylor

 

Está a pensar casar-se no inverno? É uma escolha pouco ortodoxa - quase três quartos dos casamentos realizam-se durante maio e outubro - no entanto, quando feita corretamente, é uma excelente opção.

© Getty Images

A estação traz consigo vários elementos românticos: fogueiras, paisagens cobertas de neve, moda confortável porém sofisticada, flores em tons carmesim… enfim, podíamos continuar. (Há, afinal, uma razão para a frase winter wonderland existir).

A questão é: como se realiza um evento etéreo durante esta época menos tradicional - e provavelmente fria? A Vogue falou com várias empresas que se especializam em realizar casamentos durante os meses de janeiro, fevereiro e março: a 42 North, com sede no norte de Massachusetts, a Bluebird Productions, situada em Aspen, a Augusta Cole em Nova Iorque e ainda com Stefanie Cole, especialista em destination events. Deram-nos várias recomendações (como ter muitos aquecedores), e contaram-nos o que nunca fazer (como poupar nos aquecedores). Todos concordaram com algo, que Virginia Frischkorn sumariza da melhor maneira: “Casamentos de inverno são mágicos”. Abaixo, as suas dicas de especialistas, desde a cerimónia ao copo d'água.

O que fazer:

Ser flexível com a data - e planear atempadamente

“Planear um casamento de inverno tem as suas vantagens, porém, o período das festividades é também tipicamente uma altura agitada no que toca a viagens. Se escolheu uma data próxima de um feriado importante, certifique-se que que envia os save the date com a devida antecedência.” - Britt Cole e Francie Dorman, fundadores da 42 North

Ter um plano alternativo incrível... Ou dois

“Tenha os planos de A a F prontos! Os casamentos de inverno têm tendência a ser eventos com maior risco associado, considerando os possíveis atrasos nas viagens dos convidados ou problemas meteorológicos. Sugerimos que os nossos clientes estejam preparados para vento, chuva, neve, voos adiados e que pensem em todos os senãos” - Virginia Frischkorn.

Ter aquecedores e mais aquecedores

“No inverno, vai querer e precisar de mais aquecedores, caso alguma porção do evento se realize no exterior. Tendas e espaços como celeiros podem não ser tão quentes - confirme com o seu wedding planner que o espaço será suficientemente aquecido, para que todos os convidados estejam confortáveis!” - Virginia Frischkorn 

Oferecer welcome drinks quentes e cocktails 

“Sirva bebidas quentes no início e fim do evento. Adoramos dar as boas vindas aos convidados de um casamento de inverno com sidra quente, um hot toddy, ou chocolate quente! Isto ajudará os convidados a manterem-se aquecidos, caso a cerimónia se realize no exterior” - Virginia Frischkorn.

Envolver-se no espírito da estação

“Use esta oportunidade para fazer juz à época servindo vegetais, vinho ou até uma sopa quente para entrada. Não precisa de exagerar na temática natalícia, mas ter uns apontamentos subtis na decoração, flores ou na comida irá transmitir o espírito festivo de uma forma subtil e elegante” - Britt Cole e Francie Dorman

“Se o espaço tiver decorações natalícias, certifique-se que as cores vão ao encontro da estética que pretende adotar. Branco combinado com tons ricos e quentes fica muito bem” - Stefanie Cove.

Facultar bengaleiros

“Se o evento se realiza numa localização com neve, ou implica que os convidados se desloquem na neve, porque não ter um bengaleiro onde possam deixar casacos e botas? Assim, poderão utilizar os sapatos e saltos altos na festa, porém podem também manter-se aquecidos quando se dirigem até à celebração” - Virginia Frischkorn.

Levar casacos e botas também para si

“Leve um par de botas para as fotografias no exterior. Ninguém conseguirá vê-las debaixo do vestido, estará mais confortável e, consequentemente, mais bonita” - Virginia Frischkorn.

“O que veste no exterior também é muito importante! Inevitavelmente, o ênfase estará no vestido de noiva, mas pense também em complementar o look com peças mais quentes para as fotografias no exterior, seja ao sair da cerimónia ou do copo d’água” - Augusta Cole.

Definir um dress code apropriado para a temperatura

“É importante definir um dress code mais confortável, dado que o calçado e as camadas extra são cruciais. Um dos meus casamentos favoritos situou-se nas montanhas e toda a gente usou branco e ganga. Foi super cool e definitivamente uma experiência memorável para todos” - Stefanie Cove.

Ajudar a manter os convidados quentes

“As temperaturas frias pedem uma atenção extra para com os convidados. Foulards extra para as senhoras e fogueiras ou aquecedores ajudarão, não só, a criar um ambiente agradável, mas também a assegurar que os convidados se sentirão confortáveis, independentemente do que estiverem a usar” - Britt Cole e Francie Dorman.

“Somos adeptos de oferecer aquecedores de mãos num tabuleiro e colocar cobertores quentes nas costas das cadeiras de cerimónia, quando realizada no exterior” - Virginia Frischkorn.

Optar por luz ambiente

“A luz é crucial e pode transformar o seu casamento numa winter wonderland. Isto não significa, contudo, que o casamento deva parecer saído do Frozen! Significa sim que deve considerar abraçar a época e a estética que esta sugere, certificando-se que o evento transmite uma sensação autêntica de acordo com a altura do ano, espaço e o design escolhido” - Virginia Frischkorn.

“Aposte em ter muitas velas. A luz em geral tem um papel chave na experiência e na ambience” - Augusta Cole.

Saber a quem telefonar numa tempestade de neve

“Tenha alguns contactos de emergência prontos. Saiba como aceder ao limpa-neves mais próximo e como remover o gelo do caminho dos convidados. The show must go on! - independentemente do clima” - Augusta Cole.

O que não fazer:

Tirar todas as fotografias no exterior

“Não tire todas as fotografias no exterior. Em teoria, podem ficar bonitas, mas também terá o nariz vermelho e a face rosada!  Contratar um planner e fotógrafo com muita experiência irá garantir que estes conhecerão os melhores espaços no interior para fotografias e outros momentos especiais” - Britt Cole e Francie Dorman.

Prescindir do conforto dos convidados pela ambience

“Encorajamos a que não planeie  o casamento com uma estética que sacrifique o conforto dos convidados! Apesar de a neve ser visualmente bonita, os convidados podem não querer sentar-se no exterior e a passar frio. Convidados desconfortáveis fazem com que a festa seja menos divertida” - Virginia Frischkorn

Assumir que será menos caro ou imprevisível do que o esperado

“Não assuma que o casamento será mais barato por se realizar em época baixa. Pode, de facto, ser uma época alta para turismo (pense em Nova Iorque) e, assim, dificultar a procura de locais para o evento ou de alojamento” - Britt Cole e Francie Dorman.

“O inverno é considerado a época alta nas montanhas, por isso certifique-se que os convidados estão dispostos a gastar mais em voos, hotéis, comida, ski, enfim. Esta é a altura do ano mais cara em muitos destinos, o que também implica que a estadia mínima seja por mais do que uma noite” - Stefanie Cove.

Apostar em luzes coloridas

“Evite luzes multicolores e qualquer elemento que retire as atenções dos noivos!” - Stefanie Cove.

Fazer a cerimónia a uma hora tardia

“O sol põe-se mais cedo no inverno. Pondere agendar a cerimónia para mais cedo se quiser tirar fotografias com luz natural!” - Augusta Cole.

Artigos Relacionados

Compras 9. 9. 2022

Runaway bride: o branco chegou à estação fria

Parece uma cena saída de um filme, mas é só mesmo o nosso look do dia.

Ler mais

Eventos 29. 8. 2022

O casamento de Simon Porte Jacquemus e Marco Maestri em imagens

No passado dia 27 de agosto de 2022, Simon Porte Jacquemus e Marco Maestri deram o nó na câmara municipal de Charleval, na região francesa de Bouches-du-Rhône. Reveja os convidados presentes, num registo fotográfico de Acielle StyleDuMonde.

Ler mais

Tendências 29. 7. 2022

Os vestidos de casamentos reais mais memoráveis

É deles que retiramos inspiração nesta época em que mais se celebra o amor.

Ler mais

Tendências 30. 6. 2022

Convidadas mais-que-perfeitas

“Nem bom vento, nem bom casamento.” Há que dar a mão à palmatória.... Muito depressa se instituem ditados como o supracitado, tão críticos de nuestros hermanos que quase nos fazem esquecer que é dos lados desse (bom) vento que nos chega a pérola mais bem guardada no mercado da Moda: os ensinamentos que constituem o look da convidada perfeita.

Ler mais

Tendências 21. 1. 2022

Estes são os anéis de noivado que vamos ver em todo o lado em 2022

Ler mais