Artigo Anterior

#nailinspiration: o verão nas nossas mãos

Próximo Artigo

O que é o skin fasting?

Tendências 7. 7. 2020

Happiness comes in waves

by Ana Catarina Machado

 

Das propriedades de cura da água salgada à diminuição do stress, a Vogue mergulhou nas profundezas dos benefícios da água do mar e reuniu cinco vantagens em prol da mente, do corpo e da alma.

Fotografia de Pablo Curto. Styling de Alba Melendo. Vogue Portugal, agosto de 2019.

Alguma vez se questionou sobre o porquê de sentirem uma ligação ao mar e uma atração inexplicável em mergulhar nas profundezas da água salgada? A água do mar contém mais benefícios além da sensação em passar os dedos pelos fios de cabelo depois de um longo dia de praia ou de se sentir em sintonia com a natureza. Se vive perto do mar ou se faz idas frequentes à praia, é provável que ainda não se tenha apercebido do leque variado de benefícios pelos quais está, inconscientemente, a tirar proveito. Se por acaso não o faz com tanta regularidade, a Vogue reuniu cinco benefícios que evidenciam o bem que o mar faz (e que as temperaturas altas estão a pedir).

Poder de cura

A água do mar é composta por minerais como o magnésio – responsável pela hidratação e pela redução da inflamação -, o sódio, o cálcio, o cloreto e o sulfato, que em conjunto, formam uma série de benefícios para a pele. A partir dos mergulhos no mar, a pele absorve os minerais principais, tornado-a mais flexível, cicatrizada e radiante. Para além dos minerais, a água do mar e o ar salgado contêm ainda aminoácidos e vitaminas que não só ajudam a melhorar problemas de asma, bronquite e artrite, assim como a acalmar dores e mal-estar.

Alivia o stress

Mergulhar consegue ser incrivelmente relaxante. Estar debaixo de água carrega em nós uma sensação de autocontrolo, de segurança, de felicidade e bem-estar. Permite à mente alcançar uma força positiva, distanciada de sentimentos pessimistas. Durante o mergulho por águas salgadas, as técnicas de respiração tornam-se semelhantes às técnicas utilizadas na meditação, não só permitindo à mente permanecer distante, ainda que por alguns momentos, de inquietações do dia a dia, como a restaurar o equilíbrio entre o corpo e o sistema nervoso.

Melhora a concentração

Não é por acaso que a praia é o lugar de eleição de várias pessoas, quando procuram por um sítio que transmita paz e tranquilidade. O som do mar, o ar fresco e a areia a acariciar os nossos pés formam o contexto perfeito de concentração, ao mesmo tempo que nos permitimos mergulhar em pensamentos e questões pertinentes da nossa vida. É também ao nadar que o equilíbrio e o cuidado que portamos no ambiente aquático estimulam a concentração e a consciência no nosso cérebro.

Aumenta a força e a flexibilidade dos músculos

A água do mar proporciona ao corpo quase que uma massagem de drenagem linfática. Isto é, os músculos são pressionados, relaxados e tonificados repetidamente, e o sal da água oferece um efeito de esfoliação. Os benefícios do mar são ainda comparados a um efeito analgésico, sendo que alivia dores musculares e problemas nas articulações.

Ativa a circulação sanguínea

Os elementos presentes na água do mar criam condições favoráveis para uma melhor circulação sanguínea, uma vez que o corpo é exposto a um nível elevado de pressão. Sendo que os músculos do corpo se encontram a trabalhar simultaneamente e acabam por necessitar de oxigénio para continuarem, os vasos sanguíneos surgem aqui com o papel crucial em fornecer aos músculos todo o oxigénio necessário. 

Artigos Relacionados

Palavra da Vogue 22. 4. 2020

Não há um planeta B

É hora de proteger a Terra. Não há planeta B. Vamos enterrar os erros e plantar a esperança.

Ler mais

Tendências 23. 9. 2019

Ecossexualidade: o amor à natureza

Uma fusão entre ambientalismo e sexualidade deu origem a uma nova identidade sexual. A ecossexualidade inclui o uso de vibradores sustentáveis e preservativos biodegradáveis, mas pode chegar até ao sexo com árvores. Tudo com um profundo amor pelo planeta.

Ler mais

Tendências 19. 9. 2019

Adeus, toalhitas?

Entopem os esgotos, estão a poluir os oceanos e, dizem os especialistas, nem são assim tão boas para a pele. A questão coloca-se: será este o fim das toalhitas?

Ler mais

Entrevistas 12. 9. 2019

Do fundo do mar

Lixo atirado para o centro da terra, onde a água deveria respirar livre de agressões humanas. Há quem o ignore, e há quem o recolha e fotografe. Como uma obra de arte. Como chamada de atenção para o que estamos a deitar fora.

Ler mais