Artigo Anterior

Belle du jour: Anne Hathaway

Próximo Artigo

Belle du jour: Scarlett Johansson

Tendências 19. 11. 2019

Cinco formas de fazer um upgrade à rotina de Beleza no inverno

by Emma Strenner

 

Quando a temperatura desce, a nossa pele precisa de mais cuidados para além do creme hidratante – e fazer alguns ajustes à rotina são a garantia de uma pele protegida até ao verão. De mudar o seu produto de limpeza aos ingredientes must-have no seu cuidado esfoliante, este é o guia da Vogue para enfrentar os meses mais frios.

©Arthur Elgort/Conde Nast via Getty Images

O inverno está cada vez mais próximo e, tal como o nosso guarda-roupa, a nossa rotina de cuidados de pele também precisa de um update – a ideia de layering é tão pertinente na sua roupa como no seu regime de Beleza. Temperaturas mais baixas são sinónimo de pele mais seca e gretada – pode culpar os efeitos que o ar aquecido e o vento frio têm na mesma -, bem como de poros obstruídos devido à falta de esfoliação.

De mudar o seu produto de limpeza aos ingredientes must-have no seu cuidado esfoliante, a Vogue reuniu cinco formas de fazer um upgrade à sua rotina de Beleza no inverno (e garantir que a sua pele está protegida até ao verão). 

Aposte num novo produto de limpeza

Não é surpresa que o seu cleanser deve ser mudado quando o tempo fica mais seco e hostil. A sua pele pode ficar facilmente desidratada devido às fontes de aquecimento, e os produtos de limpeza em espuma podem ser um pouco agressivos para a camada superior da pele.

A especialista Cyntia Rivas sugere: “Deixe de lado o hábito de limpar a pele de manhã e à noite e passe o rosto por água de manhã [mantendo a limpeza regular à noite]. Claro que isto depende sempre do tipo de pele – se sentir que a sua está seca, aposte num produto de limpeza com uma textura mais cremosa ou leitosa.”

O ideal é um produto de limpeza em óleo – o tipo de cuidado que se transforma num leite fluido quando em contacto com a água, e que retira a maquilhagem e os resíduos melhor do que uma textura em gel. “O óleo que a nossa pele produz durante o dia é retirado de forma mais eficaz com uma textura em óleo”, acrescenta Rivas.

A Vogue recomenda: Eve Lom Cleanser. Um bálsamo de culto hidratante à base de óleo. € 75, na Skinlife.

Não se esqueça de esfoliar a pele

As pessoas esfoliam mais no verão. Está calor, transpiramos mais, e a pele tem tendência a ficar congestionada. Mas isso não significa que este passo não seja igualmente necessário no inverno – e é por isso mesmo que não o deve negligenciar.

“A esfoliação da pele durante o inverno deve ser reduzida a uma ou duas vezes por semana”, explica Rivas. “Este passo ajuda a libertar a pele das células mortas, e isso significa que os produtos que aplica a seguir realmente penetram os poros.”

Surpreendentemente, um ingrediente natural a ter debaixo de olho quando o assunto é esfoliantes é o arroz. Gentil na pele, as suas propriedades removem as células mortas, deixando a pele suave, com um toque aveludado, mas não sensível.

A Vogue recomenda: Dermalogica Daily Microfoliant. Um pó enzimático à base de arroz que esfolia levemente a pele. €59,45, em Lookfantastic.pt.

Proteja a pigmentação dos raios UVB

Sim, os raios UVB são mais fortes durante os meses quentes (a força dos mesmos, em particular, varia de acordo com a localização geográfica, a altura do dia e a estação), mas isso não significa que desapareçam completamente no inverno. Continue a usar um produto que proteja a pele, como um creme que tenha fator de proteção (no mínimo de 30), visto que os raios UVB podem penetrar as camadas da pele e causar danos.

Apesar disso, e visto que os raios UVB não são tão fortes no inverno, os meses mais frios do ano são a altura ideal para experimentar certos tratamentos de pele, visto que o resultado será mais eficaz. “O tratamento da pigmentação é melhor no outono e no inverno [seja com micro-needling ou peels]”, diz Rivas.

A especialista acrescenta: “As minhas clientes não só estão expostas a menos raios, algo a evitar no pós-tratamento, visto que as camadas protetoras da pele são removidas ou comprometidas durante o tratamento, mas também querem resultados para o período festivo.”

A Vogue recomenda: SkinCeuticals Advanced Pigment Corrector. Uma fórmula diária que ajuda a corrigir as manchas. € 101,60, no El Corte Inglés.

Faça uma máscara

No inverno, a pele está sedenta, desidratada e irritada devido à descida dos níveis de humidade no exterior, o que significa que a água no ar (e na sua epiderme) evaporam mais rapidamente. Isto faz com que os nutrientes não penetrem tão bem a pele, fazendo com que esta fique tensa, seca e escamada – e ninguém quer isso.

“Recomendo sempre uma máscara depois da esfoliação”, diz Rivas. “O produto vai penetrar melhor. Procure uma máscara que tenha ácido hialurónico e antioxidantes. Não existe nada como usar demasiadas máscaras.”

Os ingredientes ativos naturais são uma boa opção para as peles sensíveis, ou para qualquer pessoa que não queira aplicar demasiados químicos no rosto. Procure uma máscara que contenha extratos de plantas, como a Confrey Plant, conhecida por suavizar e cicatrizar a pele, a camomila ou a aloé vera.

A Vogue recomenda: SK-II Facial Treatment Mask. Uma sheetmask de algodão com ingredientes suavizantes e hidratantes para deixar a pele instantaneamente iluminada. € 83, pack de 6 máscaras, em Net-a-Porter.com.

Personalize a sua hidratação

Por último, mas não menos importante: a hidratação. Se há um passo essencial a incluir na sua rotina quando vai do verão para o inverno é trocar os seus cuidados hidratantes e acrescentar algumas variações, com base naquilo que a sua pele está a pedir.

Algumas pessoas sentem que nem o mais rico dos cremes consegue dar-lhe a hidratação que precisam, enquanto outras dizem que a sua pele fica mais oleosa e suscetível a imperfeições quando aplicam produtos demasiado pesados. O importante é ouvir a sua pele.

“Incorporar séruns hidratantes na sua rotina de dia e noite é muito eficiente”, explica Rivas. “Sou particularmente fã do ácido hialurónico. Consegue reter a água e a sua textura é muito leve. Geralmente, as peles mais oleosas só precisam de um pouco de sérum hidratante.”

A Vogue recomenda: Augustinus Bader The Cream. Um creme altamente hidratante com ingredientes ativos como óleo de semente de girassol e manteiga de karité. € 150, em Agustinusbader.com.

Artigos Relacionados

Tendências 8. 11. 2019

Bakuchiol: o que precisa de saber sobre a alternativa natural ao retinol

Um potente derivado natural com todas as propriedades do retinol, mas nenhuma da irritabilidade. A Vogue conversou com especialistas sobre o seu novo ingrediente-herói favorito.

Ler mais

Palavra da Vogue 8. 10. 2019

Os conselhos das editoras de Beleza da Vogue para este outono

O outono chegou e os cuidados de beleza necessariamente mudaram. As editoras e diretoras de Beleza da Vogue em todo o mundo ensinam como fazer uma transição (suave) para a nova estação.

Ler mais

Tendências 19. 9. 2019

Adeus, toalhitas?

Entopem os esgotos, estão a poluir os oceanos e, dizem os especialistas, nem são assim tão boas para a pele. A questão coloca-se: será este o fim das toalhitas?

Ler mais

Tendências 12. 9. 2019

Qual é, afinal, a diferença entre pele seca e pele desidratada?

Pode ser um exercício meticuloso, mas é sempre o mais eficaz. Na procura de compreender melhor a pele, mergulhámos em águas turvas, mas voltámos à superfície com a resposta para o debate pele seca versus pele desidratada.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK