Artigo Anterior

Conan Osiris | Para dançar a melancolia

Próximo Artigo

Leonor Freitas: "Não há lugares para mulheres ou homens, há as pessoas certas nos sítios certos"

Entrevistas 22. 5. 2018

Um passeio por Copenhaga com Pernille Teisbaek

by Mónica Bozinoski

 

Minimalista e arrojada, a influenciadora de Moda e stylist Pernille Teisbaek é a mais recente protagonista da série digital Mango Journeys.

Tem um amor claro por sapatos de salto alto, uma paixão óbvia pelo mundo da Moda, e outra talvez menos evidente por cadeiras. O seu sítio favorito é o seu lar, um "santuário de energia", mas sente-se igualmente em casa entre as quatro paredes de uma galeria de arte, de um museu ou de uma loja de mobiliário vintage. Sabemos que dispensa apresentações, mas isso não nos impediu de pedir a Pernille Teisbaek que nos guiasse numa viagem de estilo pela sua cidade natal. 

A propósito do novo capítulo da série digital Mango Journeys, com Copenhaga como pano de fundo mas com um mundo inteiro por descobrir, a Vogue conversou com a influenciadora de Moda e stylist sobre memórias, inspirações e projetos. 

Tens mais de 15 anos de experiência na indústria da Moda. Qual é a tua primeira memória relacionada com o mundo da Moda? 

Criar e desenhar as minhas próprias roupas e coordenados em criança é, provavelmente, a minha primeira memória. Entrei na indústria através de trabalhos como modelo, quando tinha 14 anos, e essa foi a minha primeira experiência profissional no mundo da Moda. 

Qual foi o primeiro momento "isto é mesmo real" da tua carreira?

O dia em que fui contratada como Editora de Moda numa revista mensal dinamarquesa, aos 23 anos, sem qualquer experiência prévia como stylist

És influenciadora de Moda, stylist, co-fundadora e diretora criativa de Social Zoo, e mãe - um exemplo de que as mulheres podem realmente ter tudo. Qual é o teu segredo para conseguir equilibrar uma carreira de sucesso com a maternidade? 

É um equilíbrio difícil com o qual tento trabalhar diariamente, e que como tudo tem algumas consequências - principalmente ter menos tempo para mim e para os meus amigos. O segredo é aprender a prioritizar e tirar tempo para aquilo que é realmente importante, tanto para ti como para a tua família. 

Social Zoo é um projeto que lida com talentos e influenciadores digitais. Para ti, qual é o segredo para te destacares no mundo digital? 

Manteres a tua estética pessoal e a tua integridade. 

Se só pudesses seguir três conta de Instagram, quais seriam? 

@studioolivergustav@majesticdisorder e @bof

Lançaste recentemente o livro Dress Scandinavian. Quais são os essenciais para alcançar o estilo dinamarquês perfeito? 

Criar um guarda-roupa com peças básicas, algo muito importante para evitar crises de estilo. O look dinamarquês perfeito é casual e clássico - um par de calças de ganga, um blazer e uns ténis. 

Qual é a peça de roupa sem a qual consegues viver? 

Jeans

Se só pudesses usar uma joia para o resto da tua vida, qual seria? 

O meu anel de noivado. 

Qual foi o teu maior investimento até agora? 

A minha coleção de sapatos. 

Enquanto stylist, qual é o melhor conselho que nos podes dar? 

Menos é mais. 

 

Cinco peças de roupa que todas as mulheres deviam ter no guarda-roupa. 

Um blazer, um par de saltos altos, uns jeans, uma camisa de ganga e uma saia. 

Designer favorito. 

Phoebe Philo e Miuccia Prada. 

O teu Instagram é, entre muitas outras coisas, um paraíso de sapatos. Posto isto, não resistimos em perguntar: rasos ou saltos? 

Saltos. 

Beleza: alguma regra para seguir religiosamente? 

Hidratar, hidratar, hidratar. 

Dress Scandinavian é um guia de estilo, mas também abordas temas como tornar a tua casa num verdadeiro santuário. Qual é a peça mais especial que tens no teu lar? 

O meu marido ofereceu-me recentemente um quadro de uma artista sueca, Malin Gabriella Nordin, pelo qual estou absolutamente apaixonada. 

O teu livro favorito é... 

Nothing Holds Back The Night, de Delphine de Vigan. 

Vamos conversar sobre o teu papel como #MangoGirl. O que significa para ti? 

Sinto-me muito orgulhosa por ter feito parte deste grupo fantástico de raparigas desde o início, e ver como cresceu com o passar do tempo. 

Em três palavras, como defines uma #MangoGirl

Divertida, criativa e com muito estilo. 

Nasceste em Copenhaga, o cenário escolhido para o teu capítulo de Mango Journeys. Se só tivessemos 24h na cidade, quais seriam os locais que não poderíamos deixar de visitar?

Os museus Thorvaldsen e Louisiana. Para comer e beber, o Pluto, o Apollo Bar e o Beau Marché. 

Qual é o melhor sítio em Copenhaga para experimentar um bolo tradicional dinamarquês? 

Juno Bakery - tens que experimentar o cardemomme swirl deles, é delicioso! 

Última pergunta relacionada com a Dinamarca: três marcas ou designers que devíamos seguir já. 

Saks PottsCarcel Clothing e Cecilie Bahnsen

As peças favoritas da Vogue de Mango Journeys com Pernille Teisbaek

Artigos Relacionados

Entrevistas 19. 3. 2018

Um dia com Lucy Williams

A blogger, escritora, influencer, stylist e designer é protagonista do novo episódio da série digital Mango Journeys.

Ler mais

Pessoas 16. 2. 2018

Following Now: Camille Charrière

Nasceu e cresceu em Paris, mas escolheu a capital britânica para viver e trabalhar. Deixou uma carreira no universo da advocacia e enveredou pela mundo da Moda.

Ler mais

Eventos 1. 12. 2017

Mango loves Lisboa

A abertura da nova megastore nos Restauradores deu direito a brunch de inauguração e a festa repleta de nomes fortes do estilo internacional.

Ler mais

Entrevistas 25. 10. 2017

Mango Journeys: Leandra Medine em discurso direto

Journeys é a série digital da Mango que explora as diferentes facetas de personalidades conhecidas. O mais recente episódio conta com a entrepreneur digital Leandra Medine.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK