Atualidade   Guestlist  

A versatilidade do Samsung Galaxy Z Flip

01 Jun 2020
By Vogue Portugal em colaboração com Samsung

Muito mais do que um smartphone, o Galaxy Z Flip é um estilo de vida, que nos leva também numa viagem de referências à cultura pop.

Muito mais do que um smartphone, o Galaxy Z Flip é um estilo de vida, que nos leva também numa viagem de referências à cultura pop.

Que atire o primeiro stiletto quem não gosta de um bom revivalismo. A indústria da Moda é grande adepta, veja-se o regresso das tendências dos anos 80, 90 e início dos anos 2000 que inundaram grande parte das propostas de muitas marcas e, consequentemente, o nosso guarda-roupa.

Mas não é só na Moda que fazemos uma viagem ao passado. A Samsung, pioneira na introdução de tecnologia de ponta nos smartphones, introduziu os primeiros dispositivos móveis, com ecrã touch, que se dobram. Numa primeira fase com o Samsung Galaxy Fold e, mais recentemente, com o Samsung Galaxy Z Flip. Sim, os flip phones estão de volta. E este sim é o revivalismo que importa. 

Apesar deste smartphone ter um aspeto que nos lembra os flip phones que se tornaram populares no início dos anos 2000, a tecnologia que apresenta é a de hoje. O design é ousado e foi opensado especialmente para aqueles que entendem que a tecnologia pode ser uma maneira de se expressarem. No entanto, a pergunta que não sai das nossas cabeças é: como é possível um smartphone dobrar? A resposta é simples. O Galaxy Z Flip combina um ecrã flexível infinito com vidro ultrafino (UTG), que possui propriedades dobráveis, tornando-o mais fino com uma aparência elegante nunca antes vista num dispositivo móvel que dobra. Por outras palavras, o aspeto vintage de um flip phone nem sequer entra nesta equação. 

 

Os smartphones são hoje, mais do que nunca, um dos objetos com o qual mais vezes interagimos, acabando mesmo por nos acompanharem em tudo aquilo que fazemos. Seja uma aula de ioga, seja para nos servir de espelho enquanto nos maquilhamos e para registar em fotografia e vídeos todos os momentos que achemos oportunos - e claro, todas as maneiras possíveis de comunicar através de um telemóvel.  

Com este lançamento, e olhando para toda a flexibilidade deste smartphone, reunimos quatro das muitas coisas que pode fazer com o Samsung Galaxy Z Flip.

Terminar chamadas como no cinema

Há muito que não tínhamos a oportunidade de terminar uma chamada ao fechar a tampa de um telemóvel. Agora é possível, seja de uma forma dramática, como as que vemos nos filmes, ou simplesmente pelo prazer de fechar um smartphone.

 

Exercício físico

Dificuldades a fazer posições como navasana e adho mukha svanasana? O Galaxy Z Flip acompanha-nos em todas as aulas de pilates e ioga demonstrando como é que se faz - viva à flexibilidade. 

Um espelho de maquilhagem

As carteiras têm vindo a diminuir de tamanho, deixando pouca margem para enfiarmos tudo dentro delas. Uma das coisas que pode ficar de fora é aquele espelho que usamos para retocar a maquilhagem, o Galaxy Z Flip consegue estar na posição de 90º com a câmara frontal em modo on. Ou seja, pode retocar a maquilhagem e logo a seguir fazer uma selfie. É uma win-win situation. 

Não perder tempo

Seja para atender uma chamada, para registar um momento ou para consultar o feed de Instagram, tudo o que precisa de fazer é abrir o smartphone e ele está mais do que pronto para ser utilizado.

 

Vogue Portugal em colaboração com Samsung By Vogue Portugal em colaboração com Samsung

Relacionados


Atualidade  

Morreu Claude Montana, icónico designer dos anos 80

23 Feb 2024

Curiosidades   Atualidade  

Cisnes entre patos

23 Feb 2024

Moda   Street Style  

LFW | Models Off-Duty

23 Feb 2024

Beleza  

LFW outono/inverno 2024 | A beleza nos backstages

22 Feb 2024