Moda   Coleções  

Saint Laurent: primavera-verão 2018

27 Sep 2017
By Rui Matos

Se dúvidas restassem que Anthony Vaccarello é o enfant terrible da indústria da Moda, a confirmação está nas propostas para a estação quente de 2018.

Se dúvidas restassem que Anthony Vaccarello é o enfant terrible da indústria da Moda, a confirmação está nas propostas arrojadas apresentadas no cenário idílico da Torre Eiffel, que serviu de passerelle para a estação quente de 2018. 

Nada como começar o desfile em Paris com um talento emergente português, e Maria Miguel foi a modelo escolhida para abrir o desfile de Saint Laurent em Paris. Para além disso, foi a única modelo a desfilar com três coordenados da Casa.

Com apenas 16 anos, este será para sempre um dos grandes momentos do seu percurso profissional, e a rampa de lançamento para uma carreira internacional.

Depois das boas-vindas de Jacquemos à Cidade Luz, e da revolução moderna da Dior,foi Saint Laurent que subiu a fasquia com o cenário único da Torre Eiffel - se Karl Lagerfeld recriou a Torre Eiffel no Grand Palais, durante a Semana de Moda de Alta-Costura, Saint Laurent saiu à rua e criou uma enorme passerelle mesmo debaixo do monumento histórico na capital francesa.

Em sintonia com o ambiente, os coordenados mostram-se irreverentes, arrojados e très chic. Silhuetas desconstruídas, botas com franjas, casacos em pele e coordenados ardornados pela renda fazem parte das propostas para a linha feminina. Para o universo masculino, Vaccarello apostou em looks clássicos com apontamentos peculiares. No total, foram 91 coordenados apresentados que se deixaram pincelar, na sua maioria, pelo clássico preto e branco.

Quem também brilhou na passerelle foi Kaia Gerber. A modelo de 16 anos tem sido uma das mais requisitadas durante as semanas de Moda e, só este mês, passou por Nova Iorque, Londres, Milão e agora Paris. 

Nesta apresentação era impossível deixar de parte Pierre Bergé, que morreu no passado dia 8 de setembro. Em homenagem ao co-fundador e companheiro de Yves Saint Laurent foram distribuídos pelo público um cartão com uma das suas célebres frases: “Talvez seja um amor louco. O amor de dois tolos.”

 

Imagens © ImaxTree

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Atualidade  

Morreu Claude Montana, icónico designer dos anos 80

23 Feb 2024

Curiosidades   Atualidade  

Cisnes entre patos

23 Feb 2024

Moda   Street Style  

LFW | Models Off-Duty

23 Feb 2024

Beleza  

LFW outono/inverno 2024 | A beleza nos backstages

22 Feb 2024