Artigo Anterior

Christian Dior: primavera-verão 2018

Próximo Artigo

Maison Margiela: primavera-verão 2018

Coleções 27. 9. 2017

Saint Laurent: primavera-verão 2018

by Rui Matos

 

Se dúvidas restassem que Anthony Vaccarello é o enfant terrible da indústria da Moda, a confirmação está nas propostas arrojadas apresentadas no cenário idílico da Torre Eiffel, que serviu de passerelle para a estação quente de 2018. 

Nada como começar o desfile em Paris com um talento emergente português, e Maria Miguel foi a modelo escolhida para abrir o desfile de Saint Laurent em Paris. Para além disso, foi a única modelo a desfilar com três coordenados da Casa.

Com apenas 16 anos, este será para sempre um dos grandes momentos do seu percurso profissional, e a rampa de lançamento para uma carreira internacional.

Depois das boas-vindas de Jacquemos à Cidade Luz, e da revolução moderna da Dior,foi Saint Laurent que subiu a fasquia com o cenário único da Torre Eiffel - se Karl Lagerfeld recriou a Torre Eiffel no Grand Palais, durante a Semana de Moda de Alta-Costura, Saint Laurent saiu à rua e criou uma enorme passerelle mesmo debaixo do monumento histórico na capital francesa.

Em sintonia com o ambiente, os coordenados mostram-se irreverentes, arrojados e très chic. Silhuetas desconstruídas, botas com franjas, casacos em pele e coordenados ardornados pela renda fazem parte das propostas para a linha feminina. Para o universo masculino, Vaccarello apostou em looks clássicos com apontamentos peculiares. No total, foram 91 coordenados apresentados que se deixaram pincelar, na sua maioria, pelo clássico preto e branco.

Quem também brilhou na passerelle foi Kaia Gerber. A modelo de 16 anos tem sido uma das mais requisitadas durante as semanas de Moda e, só este mês, passou por Nova Iorque, Londres, Milão e agora Paris. 

Nesta apresentação era impossível deixar de parte Pierre Bergé, que morreu no passado dia 8 de setembro. Em homenagem ao co-fundador e companheiro de Yves Saint Laurent foram distribuídos pelo público um cartão com uma das suas célebres frases: “Talvez seja um amor louco. O amor de dois tolos.”

 

Imagens © ImaxTree

Artigos Relacionados

Coleções 26. 9. 2017

Christian Dior: primavera-verão 2018

Os anos 70, as obras de Niki de Saint Phalle e o espírito criativo de Marc Bohan invadiram a passerelle da Casa francesa.

Ler mais

Coleções 26. 9. 2017

MFW: Ermanno Scervino por Tomás Monteiro

Quando exigimos cada vez mais profundidade na Moda, ser só bonito já não chega. Ermanno Daelli e Toni Scervino sabem disso.

Ler mais

Coleções 26. 9. 2017

MFW: MSGM por Tomás Monteiro

"Hue/Saturation" é a primeira coleção da MSGM com título. Também é das melhores de sempre. Estas imagens de bastidores mostram porquê.

Ler mais

Coleções 26. 9. 2017

Jacquemus: primavera-verão 2018

O arranque da semana de Moda de Paris foi entregue a Jacquemus, o designer francês que tem conquistado a indústria. Para a estação quente de 2018 apostou na descontração e na fluidez.

Ler mais

Livestream 25. 9. 2017

Lacoste: SS18 em direto de Paris

Assista à apresentação da primavera-verão da Lacoste de primeira fila.

Ler mais

Coleções 25. 9. 2017

Carlos Gil: primavera-verão 2018

Visualmente, como seria a existência de uma selva tropical num meio urbano? Tropical Urban é a resposta de Carlos Gil.

Ler mais

Livestream 22. 9. 2017

Elisabetta Franchi: SS18 em direto de Milão

Assista, em direto, à apresentação da primavera-verão 2018 de Elisabetta Franchi. A marca apresenta a coleção no âmbito da semana de moda de Milão.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK