Lifestyle   Roteiro  

Veganuary: um roteiro vegan para janeiro - e 2019

04 Jan 2019
By Sara Andrade

Nunca foi tão fácil - ou menos complicado - ser vegan em Portugal, principalmente se falarmos dos dois pólos urbanos com maior população. Numa altura em que a ideia do "Veganuary" (a Vogue já explica) prolifera, faça do mês de janeiro o seu test-drive para uma alimentação vegetal.

Nunca foi tão fácil - ou menos complicado - ser vegan em Portugal, principalmente se falarmos dos dois pólos urbanos com maior população. Numa altura em que a ideia do "Veganuary" (a Vogue já explica) prolifera, faça do mês de janeiro o seu test-drive para uma alimentação vegetal.

Veganuary é uma organização solidária que pretende defender e promover a dieta vegana no mês de janeiro - e no resto do ano, na verdade, fazendo deste início uma espécie de pontapé de saída para uma mudança no estilo de vida. Os argumentos já são sobejamente conhecidos: a diminuição da pegada ecológica (os gases nocivos libertados pela indústria animal são muito piores para o ambiente que o dióxido de carbono dos carros e o uso de recursos do planeta que esta área exige vão muito além das possibilidades do planeta) bem como a preservação da vida animal são fatores que não precisam de muitos mais aliados para converter uma população cada vez mais adepta deste tipo de regime.

Uma das variáveis mais dissuasoras, em contrapartida, é a ideia de que é uma alimentação sensaborona, aborrecida e limitada, mas estes restaurantes provam que esse preconceito não poderia estar mais longe da verdade. Uma seleção de restaurantes que não são sempre exclusivamente vegans, mas todos ótimos para ir com vegans, vegetarianos e até os mais céticos desta opção gastronómica.

Lisboa

Ao 26 Vegan Food Project: a boa atmosfera da morada complementa a oferta saudável e plant-based da Carta.

M. Rua Vítor Cordon, 26, ChiadoH. Seg, das 12h30 às 15h; de ter. a sáb., das 12h30 às 18h30 e das 19h30 às 23h. T. 967 989 184

Aloha Café: a morada em Lisboa fechou, mas o sabor continua em Sesimbra e a viagem vale a pena. Comece nas entradas, peça um prato e termine nas sobremesas para uma refeição vegan completa que tem tanto de gulosa como de consciente.

M. Avenida 25 de Abril, Edificio Ancora, Loja 9PH. Todos os dias, das 10h às 18h.T. 964 479 474

Comoba: se ainda não ouviu falar deste espaço na Rua de São Paulo é porque nunca passou pela porta do Comoba durante o horário de expediente apenas para encontrá-lo repleto. Já ponto obrigatório para quem gosta de alimentação vegetariana, o menu admite opções não vegan como ovos, mas por norma com hipótese de escolher a iguaria completamente livre de qualquer derivado animal. O espaço é altamente instagramável, fyi.

M. Rua de São Paulo, 101, Cais do SodréH. Todos os dias, das 07h30 às 19h30.T. 963 288 453

My Mother's Daughters: este negócio de família coloca o calor do parentesco em pratos que saciam qualquer vegan - e não-vegan.

M. Largo de São Sebastião da Pedreira, 49 H. De seg. a sex., das 08h30 às 19h; sáb. e dom., das 10h às 17h.

Las Vegan: deixe-se encantar pelo nome dos pratos - do James Brownie e Jim Caril ao Arroios Doce e fique pelo sabor das refeições ligeiras e simpatia extrema do proprietário. O espaço é pequeno, mas convidativo.

M. Rua Cavaleiro de Oliveira, 53B, ArroiosH. De ter. a sex., das 12h30 às 16h; às qui. e sex., abre também para jantares, das 19h às 23h; sáb, das 12h30 às 23h. T. 212 477 447

Veganeats: dos salgados aos bolos com ar pecaminoso, a oferta tradicional não perde nenhum sabor na sua versão plant-based.

M. Rua Cavaleiro de Oliveira, 42H. De seg. a sex, das 09h às 19h; Sáb. e dom., das 10h às 17h.T. 211 552 626

Ó Conde: uma novidade no Lumiar com um espaço que já promete boas imagens para a posteridade das redes sociais.

M. Rua Professor Manuel Valadares, 9B, LumiarH. De terça a sáb., das 12h às 23h. Dom., das 12h às 15h.

Foodprintz Café: a combinação do espaço acolhedor com o atendimento simpático vai fazer parecer que a sua refeição vegan está a acontecer em sua casa.

M. Rua Rodrigo da Fonseca, 82A, RatoH. De seg. a sex., das 10h30 às 19h; sáb. e dom., das 10h às 18h.

O Botanista: aqui, não come só com a consciência, come também com os olhos - de cada recanto aos pratos apresentados.

M. Rua Dom Luís I, 19, Cais do SodréH. Seg. e ter., das 11h às 21h30; qua., das 11h às 18h; qui., sex. e sáb., das 11h às 22h.

Eight - The Health Lounge: o espaço catita é complementado com parte loja e está recheado de snacks, smoothies e tostas para uma refeição leve sem derivados de animais.

M. Praça da Figueira, 12A H. De seg. a qui., das  09h30 às 20h; sex. das 09h30 às 15h; dom., das 11h às 20h.T. 218 862 859.

O Antigo Talho: suba ao andar de cima desta loja com uma seleção de produtos vegan e sustentáveis. Se não ficar convencida pela oferta diária - reduzida nas opções mas exponenciada no sabor (o pad thai é obrigatório) - que sai da cozinha pelas mãos da chef Filipa Ruas, peça a tarte de maçã. Vai ficar viciada. Ah, o espaço é do célebre João Manzarra, mas não precisa desta referência para se render ao conceito.

M. Avenida Duque de Loulé, 85, Marquês de PombalH. De seg. a sex, das 12h30 às 15h e das 16h às 19h30; sáb. e dom., das 11h às 16h.T. 213 570 953

Veganapati: a cozinha indiana ganha um twist vegan.

M. Rua da Prata, 242, BaixaH. Todos os dias, das 12h às 24h.T. 218 862 346 e 920 525 223

The Green Affair: nesta cozinha, os animais não entram.

M. Avenida Duque de Ávila, 32A, SaldanhaH. Todos os dias, das 12h às 15h, das 19h às 23h.T. 213 540 809

Local - Your Healthy Kitchen: a preocupação pela qualidade dos ingredientes é a prioridade deste spot que já acumula três moradas - a original em Cascais, mas também em Lisboa, na zona de Santos e, mais recentemente, na Rua Rodrigues Sampaio - por isso, não vai encontrar aqui opções exclusivamente vegan. Mas vai encontrar mais do que suficiente para ter uma refeição diferente todos os dias. A Vogue sugere, além do menu de pratos veganos, fazer a sua própria poké bowl - bem servida e deliciosa, como gostamos.

M. Rua Rodrigues Sampaio, 134, Marquês de Pombal, LisboaH. Todos os dias, das 09h às 23h.T. 926 437 641

Porto

Nola Kitchen: o restaurante não se assume como vegan, mas há muitas opções para quem segue este tipo de alimentação. Todas pecaminosas, todas indulgentes, para uma refeição ligeira que se quer regada a conversa.

M. Praça Dona Filipa de Lencastre, 25, BaixaH. Seg. e ter. e de qui. a sáb., das 09h às 23h; dom., das 09h às 18h.T. 910 595 015

Fava Tonka: um vegetariano com opções veganas e um toque gourmet que promete converter qualquer um à alimentação verde. A variedade de alimentos e a sua junção criativa mostram que este tipo de cozinha é tudo menos aborrecida.

M. Rua de Santa Catarina, 100, Leça da PalmeiraH. Todos os dias, das 12h30 às 15h e das 19h30 às 23h.

Essência: as opções vegetarianas oferecem correpondente vegano para quem retirou os laticínios, ovos e demais derivados animal da dieta.

M. Rua Pedro Hispano, 1190-1200, RamaldeH. De seg. a qui., das 12h30 às 15h e das 20h às 22h30; sex. e sáb., das 12h30 às 15h e das 20h às 24h.T. 228 301 813

Em Carne Viva: o nome irónico não deixa adivinhar um menu onde a carne não entra. A cozinha vegetariana do espaço com morada privilegiada contempla opções vegan.

M. Avenida da Boavista, 868, BoavistaH. De seg. a qui., das 19h às 22h; sex., das 19h às 23h; sáb., das 12h30 às 15h e das 19h às 23h. T. 932 352 722

As 7 Maravilhas: não é vegan, nem sequer é apenas vegetariano, mas a alimentação vegetal domina 90% do menu, com várias opções veganas entre a oferta.

M. Rua das Taipas, 17C, MiragaiaH. De qua. a sex., das 18h às 24h; sáb. e dom., das 13h às 24h.T. 222 032 116

Sara Andrade By Sara Andrade

Relacionados


Agenda  

Lisbon Design Week 2024 | A semana dedicada ao design começa hoje

22 May 2024

Tendências  

Who let the baby bump out?

22 May 2024

Compras   Roteiro  

As melhores lojas vintage da Europa

22 May 2024

Moda  

For life

22 May 2024