Estilo   Pessoas  

Privado: Ann-Sofie Johansson

06 Sep 2016
By Vogue Portugal

Na semana em que chega às lojas (e online) a nova coleção Studio da H&M, apresentada na última semana de Moda de Paris, quisemos saber com que linhas se cose o universo criativo de Ann-Sofie Johansson, consultora criativa da marca sueca.

Na semana em que chega às lojas (e online) a nova coleção Studio da H&M, apresentada na última semana de Moda de Paris, quisemos saber com que linhas se cose o universo criativo de Ann-Sofie Johansson, consultora criativa da marca sueca.

Uma memória de infância. O sabor de chocolate quente para o pequeno-almoço.

Um herói de infância. Pipi Longstocking.

O que a inspira? Arte e pessoas.

O que a inspirou para a coleção Studio? A fauna e flora sueca.

A melhor peça da nova coleção? O volumoso casaco de lã com a cor camel.Um livro que a mudou. The Catcher in the Rye de JD Salinger.

Os artistas favoritos Gerhard Richter, Mark Rothko, Jenny Saville, Tracy Emin, Pippilotti Rist, Elizabeth Peyton. 

Há alguma família de cores que prefere? A Verde.

Flores favoritas? Lílases.

Cheiros favoritos? Pão acabado de fazer.

Melhor viagem que fez? Quando visitei o norte da Suécia e escalei a montanha mais alta com o meu marido e amigos.

Há alguma cidade que a faça sentir como se estivesse em casa? Londres, Nova Iorque e Tóquio. 

Como descreve o seu estilo como designer e o seu estilo pessoal? Tomboyish e eclético seja como criadora ou no meu próprio estilo.

Faz compras em alguma loja particular? Temos boas marcas suecas como a Acne e a Hope, mas gosto também da Dries van Noten pela escolha de cores e materiais.

Qual o seu outfit diário? Calças de tracksuit ou jeans com um hoodie e um blazer.     

No armário tem? Camisas brancas e blazers, clássicos que sempre uso.

Um acessório intemporal e outro pelo qual tenha um grande amor. Um relógio que herdei e adoro anéis grande.     

Como descreveria um dia perfeito? Um bom sono seguido de um pequeno-almoço com a leitura de jornais. A seguir ir a uma exposição e acabar o dia a beber e jantar com amigos.

Qual é a qualidade humana que mais gosta? Gentileza e humanidade, que é muito precisa no mundo em que vivemos hoje.

Como descrever a palavra felicidade? Sentir uma confusão interior e não parar de sorrir.        

Qual é o seu sonho? Ter uma galeria de arte.            

Se pudesse mudar o mundo por onde começava? Comigo mesma.     

Vogue Portugal By Vogue Portugal

Relacionados


Atualidade  

Morreu Claude Montana, icónico designer dos anos 80

23 Feb 2024

Curiosidades   Atualidade  

Cisnes entre patos

23 Feb 2024

Moda   Street Style  

LFW | Models Off-Duty

23 Feb 2024

Beleza  

LFW outono/inverno 2024 | A beleza nos backstages

22 Feb 2024