Artigo Anterior

7 apps para combater o desperdício

Compras 10. 8. 2021

As cassetes estão de volta e estes são os 12 álbuns que vai quer ouvir agora

by Rui Matos

 

Depois do boom do vinil, a fita cassete esta a dar os primeiros passos em direção ao topo dos renascimentos vintage. Do recém lançado Happier Than Ever, de Billie Eilish, ao aclamado Fetch the Bolt Cutters, de Fiona Apple, reunimos os 12 álbuns que precisa para (re)começar a sua coleção de cassetes. 

Quando foi a última vez que ouviu falar de uma cassete, ou até, se quisermos ser dramáticos, quando foi a última vez que viu uma? Se é um 90s kid e se deu os primeiros passos no início dos anos 2000 é muito provável que se lembre destes objetos. Assim como o vinil, que teve um regresso massificado nos últimos anos, as cassetes estão a gritar por um lugar ao sol. 

O primeiro indício deste retorno aconteceu em 2014, quando a banda sonora de Guardians of the Galaxy foi lançada em fita cassete, uma jogada surpreendente que se revelou num sucesso de vendas e num percursor de uma tendência adormecida. De acordo com o The Hollywood Reporter, em 2017, a venda de cassetes subiu para 35%, contabilizando assim um total de 174 mil cópias vendidas nesse mesmo ano. No top de vendas, os três primeiros lugares eram ocupados por diferentes versões das banda sonora do blockbuster com selo Marvel. Nomes como Eminem, Arcade Fire, Foals e Metallica seguiram os passos e já disponibilizaram alguns dos seus álbuns neste formato.

Será a saudade de ouvir um álbum de ponta a ponta sem poder passar uma única música, a vontade de regressar a um mundo mais analógico ou, simplesmente, porque gostamos do objeto. Não há como fugir a este regresso. E se não os podemos vencer, juntamo-nos a eles. Se encostou o leitor de cassetes a um canto ou se tem ainda guardado um walkman, é hora de os resgatar e party like it’s 1998 - e quem sabe volte a fazer mixtapes como aquelas que se faziam "no antigamente."

Artigos Relacionados

Tendências 10. 8. 2021

A arte ancestral da mixtape: a descoberta, a técnica e o infame digital

Houve uma época em que, em vez de playlists digitais, os adolescentes trocavam cassetes entre si. Essas cassetes, as mixtapes, continham o reflexo do espírito do seu autor. Eram uma espécie de tesouro pessoal que se partilhava só com algumas pessoas. Eram outros tempos.

Ler mais