Moda   Coleções  

Louis Vuitton: Cruise 2019

29 May 2018
By Rui Matos

Foi no topo da Colline des Gardettes, em plena Riviera Francesa, que os coordenados da Maison francesa viveram em perfeita harmonia com o espaço e as esculturas que preenchem este jardim.

Foi no topo da Colline des Gardettes, em plena Riviera Francesa, que os coordenados da Maison francesa viveram em perfeita harmonia com o espaço e as esculturas que preenchem este jardim. 

© Louis Vuitton

Das proximidades do Museu do Louvre - onde são apresentadas regularmente as coleções principais da marca -, para Saint-Paul-De-Vence, a LV elevou a fasquia com a paisagem idílica e poética que rodeia a The Marguerite and Aimé Maeght Foundation, o sítio escolhido para exibir as propostas da coleção Cruise de 2019. 

O local é popular pelas obras artísticas de nomes como Joan Miró, Alexander Calder, Anthony Caro e Barbara Hepworth, e ali respira-se arte no estado mais puro, o que o torna perfeito para uma apresentação como esta.

“Conheço este sítio há 25 anos e adoro visitá-lo com regularidade. Tem uma história familiar muito bonita sobre galeristas apaixonados que inventaram um local para diálogo artístico.”, contou o criador francês à imprensa.  

Na passerelle, desfilaram linhas fortes, cortes imponentes e designs inovadores. Os ombros ganharam destaque pelo volume e as penas adornaram casacos de estilo vanguardista que combinaram com vestidos curtos de cocktail. Nesta apresentação, houve ainda tempo para brincar com padrões geométricos, floridos e linhas tradicionais, como o xadrez. 

Os acessórios têm um papel principal no que diz respeito à finalização de qualquer look e, por isso mesmo, Ghesquière não quis deixar o apontamento ao acaso. Para tal, Grace Coddington foi convidada a desenvolver uma coleção-cápsula de carteiras, que chega às lojas já no próximo mês de outubro. “A minha colaboração com Nicolas e a sua equipa foi muito divertida. Começou precisamente com o amor que ambos temos por animais.”, afirmou Grace. 

Woodkid encerrou o desfile com uma atuação no Giacometti Courtyard. O músico francês fez-se acompanhar de instrumentos inventados pelos irmãos Baschet, que durante os anos 50 do século XX conduziram experiências acústicas que os levaram à criação de estruturas de som com base nas vibrações do vidro e metal. 

Leá Seydoux, Isabelle Huppert, Emma Stone, Sienna Miller e Doona Bae foram alguns dos nomes que marcaram presença na primeira fila do desfile. 

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Moda  

Open Call | The Portal

16 Jun 2024

Moda  

Peças com memória | Mariza

16 Jun 2024

Entrevistas  

Becoming Karl Lagerfeld | Os bastidores da série numa entrevista com os criadores

15 Jun 2024

Moda  

Open Call | É uma família portuguesa com certeza

14 Jun 2024