Artigo Anterior

Community Service: todos ajudam

Próximo Artigo

Como o Covid-19 está a transformar as Semanas de Moda em todo o mundo

Notícias 27. 3. 2020

Um por todos, todos pelo planeta

by Emily Chan

 

Todos os anos, a Hora do Planeta da World Wildlife Fund (WWF) vê milhões de pessoas, em todo o mundo, a apagar as suas luzes durante uma hora em apoio ao planeta. Este ano o evento, que acontece a 28 de março, coincide com a atual pandemia mundial causada pelo coronavírus, mas oferece oportunidades para que todos se conectem.

© Luis Barreto/WWF

Se não é um eco-ativista de longa tada, a Hora do Planeta pode lhe ter passado ao lado em anos anteriores. Esta iniciativa arrancou em 2007 pela mão da World Wildlife Fund (WWF), e é um evento anual com milhões de participantes em todo o mundo que apagam as suas luzes durante uma hora como forma de apoio à natureza e ao planeta. A Hora do Planeta deste ano (que acontece às 20h30 do dia 28 de março) torna-se digital face à pandemia do novo coronavírus, uma vez que todos os eventos que envolviam encontros pessoais foram cancelados. 

“Durante estes tempos difíceis, é importante encontrar maneiras de nos conectarmos e mantermos a esperança para um futuro melhor - e a Hora do Planeta, é precisamente sobre isso”, conta Katie White, diretora executiva de advocacia e campanhas do WWF, à Vogue. “É uma oportunidade para milhões de pessoas à volta do mundo se unirem virtualmente para mostrarem que se preocupam com o futuro do nosso planeta.”

Neste momento, o coronavírus é o foco da nossa atenção, e com razão, mas é essencial que não esqueçamos a crise climática e as ações necessárias para preservarmos o nosso planeta. Com muita gente a praticar o distanciamente social, a Hora do Planeta dá-nos tempo para considerarmos a natureza e a necessidade de as respeitarmos. “Este é um momento crucial para trabalharmos juntos para que possamos proteger o nosso futuro e do planeta”, acrescenta White. “A Hora do Planeta é um momento para fazer uma pausa, refletir sobre a importância da natureza e de que maneira é que podemos ajudar.”

Entre os participantes da Hora do Planeta deste ano está Cora Hilts, fundadora da loja online sustentável Rêve En Vert. Hilts incentiva as pessoas a organizarem um jantar da Hora do Planeta em suas casas e partilharem o que estão a fazer com outras pessoas. “Esperemos que essass partilhas façam com que as pessoas sintam que estão juntas em comunidade - o sentido de comunidade é uma grande coisa”, afirma Hilts, acrescentando que também podemos usar este momento para estarmos mais conscientes do nosso planeta. “Acho que frequentemente não nos sentamos e tiramos um momento para considerar a maneira como comemos e bebemos, e de que maneira é que as nossas vidas se refletem no planeta - esta é uma boa oportunidade para isso.”

Se está a pensar participar neste movimento, aqui estão cinco maneiras de se envolver através do conforto de sua casa. 

1. Desligar as luzes

A maneira mais fácil de participar é, simplesmente, desligar todas as luzes de sua casa. Acenda velas e use esta hora como um período de reflexão. 

2. Organize um jantar virtual 

Organizar um jantar virtual é outra maneira de marcar  a sua presença virtual no evento - Hilts sugere cozinhar uma refeição à base de plantas que use o mínimo de energia possível. Coordene com os seus amigos através das apps de vídeo, por exemplo, e prepare a sua mesa para torná-la especial. E, claro, não se esqueça de partilhar uma fotografia no Instagram para que todos saibam que está a celebrar a Hora do Planeta. 

3. Introdução à jardinagem

Sair de casa não é uma opção, mas uma maneira de se conectar com a natureza pode passar por plantar uma planta ou flor num vazo ao pé da janela. Se é um iniciante na jardinagem, as ervas aromáticas são uma boa opção para começar, com o bónus de poder utilizá-las mais tarde nos seus cozinhados.  

4. Get crafty 

Esta é altura perfeita para arranjar aquele botão solto na camisa ou coser aquel buraco na sua camisola preferida. Mas, para aqueles que querem passar ao nível seguinte, pode começar um novo hobbie como o tricot ou o crochet. Fazer as nossas próprias roupas é uma maneira sustentável de adicionar nova roupa ao armário. 

5. Junte-se à comunidade online

Talvez o mais importante é conectar-se com outras pessoas. Siga a hashtag #EarthHour ou participe num dos eventos virtuais que ocorrem em todo mo mundo, desde talks a performances ao vivo. E para quem quiser acelerar o ritmo, há um desafio: #DanceForThePlanet.

Artigos Relacionados

Notícias 6. 12. 2019

Vogue Values: uma declaração dos valores da Vogue

Uma declaração global que destaca os valores universais da Vogue partilhados por todas as 26 edições da publicação.

Ler mais

Notícias 22. 11. 2019

Condé Nast lança nova estratégia de sustentabilidade

A Condé Nast, editora de publicações como Vogue, GQ e The New Yorker, torna-se o primeiro conglomerado de media a assinar o Fashion Industry Charter for Climate Action das Nações Unidas, juntando-se assim a marcas como Burberry e Stella McCartney, com a missão de acabar com as emissões de gases de efeito estufa até 2050.

Ler mais

Curiosidades 18. 10. 2019

Moda e sustentabilidade: um futuro com passado

Vestir a consciência ecológica, aplicar o selo clean no rosto ou deixar de asfixiar a casa e o planeta com a leveza sufocante do plástico podem parecer tendências do hoje – mas a sustentabilidade, essa chave que promete abrir as portas da indústria da Moda para deixar entrar um futuro menos negro e mais verde, não é uma coisa do agora.

Ler mais

Tendências 3. 10. 2019

Uma t-shirt branca nunca é só mais uma t-shirt branca

A ultra sexy e imaculada t-shirt branca é um essencial no guarda roupa de qualquer homem ou mulher no planeta. Mas no momento em que a Terra corre perigo de vida, será que a vamos salvar com uma t-shirt que custa ao ambiente 2.700 litros de água?

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK