Moda   Notícias  

Gabriela Hearst é a nova diretora criativa da Chloé

07 Dec 2020
By Rui Matos

O anúncio foi feito ao início da tarde de 07 de dezembro, dia em que Gabriela Hearst inicia as suas funções como diretora criativa.

O anúncio foi feito ao início da tarde de 07 de dezembro, dia em que Gabriela Hearst inicia as suas funções como diretora criativa.

Dias depois de Natacha Ramsay-Levi ter deixado os headquarters da Chloé, situados na Avenida Percier, em Paris, Gabriela Hearst é, hoje, 07 de dezembro, anunciada como a nova diretora criativa. “É com grande prazer que recebo Gabriela Hearst na nossa maison. Sempre admirei a sua energia vibrante e criativa e o seu sentido de qualidade e habilidade. A sua poderosa visão de uma Moda mais responsável incorpora os valores e o senso de compromisso da mulher Chloé,” afirma Ricardo Bellini, CEO da etiqueta parisiense. 

É desde fevereiro deste ano que os rumores da partida de Ramsay-Levi começaram a circular, intensificando-se assim que Geoffroy de la Bourdonnaye, o chief executive que a tinha contratado ter abandonado o seu cargo, uma saída que coincidiu com a queda das vendas da marca. “Nos últimos meses […] tenho pensado sobre as mudanças que quero ver na nossa indústria e como posso melhor alinhá-las com o meus próprios valores criativos, intelectuais e emocionais. É essa reflexão que me faz pensar no meu futuro de forma diferente e desejar novas oportunidades,” escreveu a designer, que antes de assumir um cargo de liderança trabalhou lado a lado com Nicolas Ghesquière durante 15 anos. 

Para trás fica um legado de quatro anos disruptivos. Vanessa Friedman, crítica de Moda no The New York Times, descreve Ramsay-Levi como “a rapariga cool francesa que trouxe uma abordagem cool-french-girl à Chloé.” Durante todo o seu período na maison francesa, o estilo que Gaby Aghion injetou na marca, que fundou há mais de sete décadas, deu lugar a uma estética mais arrojada e urbana. 

Com a chegada de Hearst, chega também uma nova estética. A designer baseada em Nova Iorque, mas com origens no Uruguai, é internacionalmente conhecida pela sua alfaiataria impecável e por uma linha de acessórios que não só cativou influencers como compradores à volta de todo mundo. Mas é o sentido ecológico e sustentável que mais nos prende a Gabriela Hearst. De acordo com o Business of Fashion, três anos após ter fundado a marca homónima Hearst arrecadou entre 15 a 20 milhões de dólares de receitas, sendo que as suas carteiras geram metade desse lucro, assim como as compras em regime de direct-to-consumer. 

Foi, somente em 2018, três anos depois de ter fundado a sua marca, que a designer abriu a sua primeira flagship store em Nova Iorque, tendo depois, em 2019, aberto outra na capital do Reino Unido. Este ano, Gabriela saiu vitoriosa dos CDFA Awards com o prémio de Womenswear Designer of the Year, sendo que em 2017 já havia levado para casa o International Woolmark, entre outras consagrações. 

“Estou muito agradecida por esta oportunidade numa marca tão querida como a Chloé. Estou grata a Natacha Ramsay-Levi e a todos os outros designers extraordinários que vieram antes dela ajudar a construir a visão internacional de Gaby Aghion,” começou Gabriela Hearst, em comunicado. “Estou animada com a oportunidade de trabalhar sob a liderança de Riccardo Bellini e apoiá-lo no seu compromisso de criar uma negócio que seja socialmente consciente e em equilíbrio com o meio ambiente. Também estou honrada por poder trabalhar com a equipa da Chloé para ajudar a executar essa visão de maneira criativa e responsável.”

A sustentabilidade passou a ser palavra-chave na indústria da Moda e é para essa direção que a Chloé está a caminhar. “A Gabriela é uma mulher com visão de futuro e a sua liderança criativa será uma força positiva na evolução e expansão da visão original da nossa fundadora, muito concentrada na feminilidade e no poder. Juntos, partilhamos a convicção de que todos temos responsabilidade de participar ativamente na formação de um futuro sustentável e esperamos, em conjunto, levar a Chloé a novas alturas,” afirmou Bellini. 

O début de Hearst como diretora criativa da Chloé será em março de 2021, durante a Semana de Moda de Paris referente ao outono/inverno do mesmo ano. Gabriela Hearst continuará como diretora criativa da sua marca homónima.

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Entrevistas  

Conheça Adrian Appiolaza, o novo diretor criativo da Moschino

21 Feb 2024

Moda   Coleções  

LFW outono/inverno 2024 | O 40º aniversário da Semana de Moda de Londres

21 Feb 2024

Atualidade   Notícias  

Rolex Awards for Enterprise: os cinco laureados de 2023

20 Feb 2024

Palavra da Vogue  

O que lhe reservam os astros para a semana de 20 a 26 de fevereiro

20 Feb 2024