Artigo Anterior

Teamwork: Converse & Shrimps

Próximo Artigo

Modaportugal: a criatividade europeia em competição

Notícias 17. 12. 2018

Elisabetta Franchi: 20 anos de marca com festa e coleção cápsula

 

As duas décadas da etiqueta ganharam celebração à altura em Milão, no passado dia 12.

No coração da capital da Moda italiana, o Natal serviu de mote para uma noite que teve tanto de acolhedora como de sumptuosa - adjetivos que não são de todo estranhos para caracterizar também Elisabetta Franchi -, juntando imprensa, família e amigos num serão que não celebrou apenas uma marca, mas antes uma história de conquistas.

Fundada como Betty Blue Spa, na cidade-natal da criadora, Bolonha (corria o ano de 1998), não é por acaso que os 20 anos não deixaram esmorecer a relevância, estilo e qualidade de uma marca que está intrinsecamente ligada à designer que lhe dá nome. E essa ligação também não é coincidência: desde o início, Elisabetta sempre se envolveu a fundo nas decisões da empresa e, mesmo após todos estes anos, Franchi continua a orientar a marca da mesma forma omnipresente como no primeiro dia. Só assim se poderia justificar o sucesso de uma casa que não é só sinónima de Moda, é também um exemplo de empenho, sacrifício, paixão e ética em todas as suas dimensões - como o compromisso pela proteção e respeito pelos animais, seguindo o repto de “dar voz aos sem voz”. Em 2012, inclusivamente, estabeleceu uma colaboração com a LAV e juntou-se ao “Fur Free Retail Programme”, que elimina permanentemente o uso de peles de animais das coleções, incluindo penas de ganso e lã de angorá.

Oriunda de uma família humilde, a infância e juventude não se fizeram sem algumas dificuldades, importantes para o modo como se comporta agora no mundo que a reverencia: sempre terra-a-terra e pronta a dispensar um sorriso, não deixou que a estabilidade e reconhecimento interferissem com a sua constante batalha por se manter no topo - não é à toa que o seu lema é "Nunca desistir" - com peças que se reconhecem pela sua intemporalidade e qualidade de produção.

O título - de Celyn B ao rótulo homónimo - pode ter mudado ao longo dos anos, ainda que sem prejuízo para uma referência nos cortes e silhuetas cada vez mais aplaudida, mas a acompanhá-la nesta jornada, esteve sempre a Betty Doll, uma boneca representativa da sua génese: quando era criança, a aspirante a designer passava os seus dias a vestir a boneca, com os trapos que encontrava em casa. Hoje, a Betty Doll é vendida em todas as lojas Elisabetta Franchi, espalhadas por mais de 80 cidades do mundo. 

As comemorações do 20º aniversário não estariam completas se não envolvesse aquilo que a criadora faz de melhor. Nesse sentido, surge uma coleção cápsula composta por 10 peças icónicas que refletem os modelos mais significativos da marca, apresentadas exclusivamente em vermelho, cor incontornável do nome. O número 20 - pelos anos de vida - está inscrito em detalhes como botões e no interior das peças, bem como uma estampagem que representa Elisabetta rodeada dos seus colegas, da sua cadela Cherie e ainda um bolo de aniversário a fazer as vezes de chapéu. 

Há ainda uma t-shirt com o tema do Ventennale (20º aniversário) e uma icónica carteira vermelha em naplak, com enorme 20 em relevo e o logótipo da marca como alça, num artigo que pode ser usado como shopper bag ou como maxi clutch, devido à sua flexibilidade e material suave. O saco exclusivo com o mesmo tema Ventennale serve como packaging da coleção cápsula.

Esta gama de edição limitada está disponível desde 01 de dezembro - e apenas ao longo deste mês - em lojas selecionadas da marca, bem como em www.elisabettafranchi.com.

Artigos Relacionados

Guestlist 12. 12. 2018

That '70s Show

Inspirada no lado mais glamoroso dos anos 70, a campanha outono/inverno 2018-19 de Elisabetta Franchi é uma ode ao estilo inconfundível da década.

Ler mais

Coleções 24. 9. 2018

Elisabetta Franchi: primavera/verão 2019

A dimensão onírica do sonho, da magia e do surrealismo foi o mote escolhido para pintar as propostas estivais de Elisabetta Franchi.

Ler mais

Pessoas 22. 5. 2018

Getting Ready: brilho sem limite

De regresso ao Coliseu dos Recreios, na cidade de Lisboa, a passadeira vermelha dos Globos de Ouro fez-se, em bom português, de glamour desmedido e elegância sem limites. Como se preparou Liliana Santos para a grande noite? A Vogue foi descobrir.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK