Artigo Anterior

Alexander McQueen: primavera/verão 2019

Próximo Artigo

Chanel: primavera/verão 2019

Coleções 2. 10. 2018

Comme des Garçons: primavera/verão 2019

by Mónica Bozinoski

 

O Palais des Études, na Escola Nacional de Belas Artes em Paris, foi o pano de fundo de uma das coleções mais pessoais de Rei Kawakubo para Comme des Garçons. 

©Imaxtree

Numa correspondência eletrónica enviada à imprensa antes do desfile das suas propostas estivais, Rei Kawakubo adotou um discurso pessoal e emotivo, que viria a ser o fio condutor da primavera/verão 2019 de Comme des Garçons. Há dez temporadas atrás, como a própria escreveu, citada pelo WWD, decidiu mudar a direção dos desfiles de Comme des Garçons, uma espécie de desafio para perceber até onde conseguiria ir no processo de "criar peças poderosas, ao ponto de transformar a roupa em algo abstrato".

Para esta estação, Kawakubo decidiu que estava na altura de abandonar este ideal. "Senti que esta abordagem já não era novidade, e procurei algo novo. Mas não consegui encontrar", escreveu a criadora, citada pela edição americana da Vogue. "O que pensei de tudo isto no final foi uma abordagem interna... sobre aquilo que está no interior". O resultado foi uma reflexão profundamente pessoal sobre a criadora e mulher. As trinta modelos de Kawakubo exibiam um cabelo pintado em tons de cinzento, preso num low ponytail, num possível reflexo do processo de envelhecimento.  As primeiras silhuetas do desfile, pintadas em tons de negro, exibiam cortes na zona da barriga para revelar uma espécie de almofada, criando a ilusão de que as modelos estariam grávidas. Seguiram-se silhuetas com saliências laterais - uma ode à sua coleção para a primavera de 1997 -, bodysuits com logótipos, motivos florais e prints de jornais, e duas modelos que revelavam correntes debaixo dos coordenados, um pormenor carregado de simbolismo. 

Artigos Relacionados

Coleções 2. 10. 2018

Chanel: primavera/verão 2019

O Grand Palais, situado numa das principais artérias da cidade, transformou-se numa praia para receber mais um desfile icónico da Maison Chanel.

Ler mais

Coleções 2. 10. 2018

Alexander McQueen: primavera/verão 2019

Sarah Burton, diretora criativa da Casa, escreveu o seu manifesto através de coordenados exuberantes, arrojados e hiper-femininos.

Ler mais

Coleções 1. 10. 2018

Sonia Rykiel: primavera/verão 2019

A recém inaugurada Allée Sonia Rykiel, localizada no Boulevard Raspail, foi o cenário escolhido por Julie de Libran para apresentar as propostas estivais da etiqueta francesa.

Ler mais

Coleções 1. 10. 2018

Altuzarra: primavera/verão 2019

O primeiro amor foi o sentimento escolhido por Joseph Altuzarra para pintar as propostas estivais da etiqueta homónima.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK