Estilo   Pessoas  

Airport is my runway

26 Nov 2018
By Rui Matos

Nos anos 40, andar de avião era sinal de luxo e poder; hoje, o meio de transporte tornou-se mais acessível, mas nem por isso menor em estilo. Agradecemos às companhias aéreas que nos oferecem a oportunidade de pisar uma passerelle alternativa: o aeroporto.

Nos anos 40, andar de avião era sinal de luxo e poder. Hoje, o meio de transporte tornou-se mais acessível, mas nem por isso menor em estilo. Agradecemos às companhias aéreas que nos oferecem a oportunidade de pisar uma passerelle alternativa: o aeroporto.

© Getty Images & Instagram

“O aeroporto é a minha passerelle” escreveu Victoria Beckham num tweet, em 2010. Oito anos depois e esta frase continua com o mesmo significado.

A indústria da Moda está rendida ao street style, esse movimento que dita tendências um pouco por todo o mundo. Mas há uma "rua" mais alternativa que não está a ter o crédito que merece: o aeroporto, ou se preferir, os aerolooks.

Nada acontece por acaso e os coordenados escolhidos para viajar não são exceção. Aqui, como em qualquer lugar, tudo é possível. Há quem escolha um imponente casaco em pelo, o clássico tracksuit ou o fato mais formal. Do casual ao trés, trés chic

Em tempos, tivemos Marilyn Monroe, Catherine Deneuve ou Brigitte Bardot, que não dispensavam a pompa e circunstância na hora de entrar num avião: tailleurs, vestidos ou um bom trench coat. No início do novo milénio, foi recorrente ver os famosos tracksuits em veludo, popularizados por Paris Hilton e Kim Kardashian. Mais recentemente, Lady Gaga, Rita Ora ou Céline Dion apostam na irreverência na hora de levantar voo.

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Atualidade  

Morreu Claude Montana, icónico designer dos anos 80

23 Feb 2024

Curiosidades   Atualidade  

Cisnes entre patos

23 Feb 2024

Moda   Street Style  

LFW | Models Off-Duty

23 Feb 2024

Beleza  

LFW outono/inverno 2024 | A beleza nos backstages

22 Feb 2024