Atualidade   Curiosidades  

Estes são os 10 videoclipes mais fashionable de sempre

03 May 2021
By Hattie Collins

Da Beyoncé em Gucci, aos fatos estilo anos 70 de Harry Styles, às bailarinas da Amy Winehouse, aos vestidos grunge dos anos 90 da Courtney Love - aqui estão alguns dos looks mais marcantes para definir como nos vestimos.

Da Beyoncé em Gucci, aos fatos estilo anos 70 de Harry Styles, às bailarinas da Amy Winehouse, aos vestidos grunge dos anos 90 da Courtney Love - aqui estão alguns dos looks mais marcantes para definir como nos vestimos.

@ Harry Styles
@ Harry Styles

Há muito que os músicos e designers estão interligados criativamente, fornecendo musas a cada um através de capas de álbuns e lookbooks, desfiles e sessões fotográficas. Alguns dos momentos mais importantes da Moda foram captados através das lentes de realizadores como David LaChapelle, David Fincher, Melina Matsoukas e Hype Williams.

Durante os anos 80 e 90, em particular, é através dos videoclipes que nos aprendemos a vestir: desde Madonna, em Jean Paul Gaultier,  ao belíssimo grunge de Courtney Love, a rappers como Tupac Shakur, a empoderar Black-owned brands, incluindo a Cross Colours, a FUBU e a Karl Kani.

Aqui estão os 10 dos videoclipes mais icónicos de todos os tempos.

1. Rihanna - Bitch Better Have My Money (2015)

Realizado por Rihanna e Megaforce, esta extensa obra de sete minutos NSFW é dedicada à raça, à classe, ao capitalismo e a roupas absolutamente fantásticas como os loafers da Maison Margiela, a ganga Tom Ford, óculos de sol Dior,  látex da Lex Clothing , que ainda hoje são bastante impactantes. Inspirado nas disputas financeiras de Rihanna, o vídeo conta com os atores Mads Mikkelsen (Another Round, de 2021, vencedor de um Óscar), Eric Roberts, e as modelos/influencers Rachel Roberts, Sita Abellán e Sanam.

 

2. Beyoncé - Formation (2016)

Honestamente, toda esta lista poderia ser preenchida apenas com vídeos de RiRi e Bey, mas se fosse forçada a escolher uma piece of perfection do cânone da Queen Bee, seria este momento. Com o toque da premiada realizadora Melina Matsoukas (Queen & Slim, de 2019) e filmado em Nova Orleães, este vídeo foi uma peça importante de Beyoncé, que até até então não tinha apresentado um ponto de vista político totalmente formado. Dissecando a brutalidade policial, as contínuas ramificações do Furacão Katrina, racismo, cultura crioula, colorismo e celebridade, Beyoncé vestiu Gucci, da nova estação, ao lado de Chanel, Alessandra Rich e Wolford Hosiery.

3. Amy Winehouse - Tears Dry On Their Own (2007)

Uma fashionista inerente, Winehouse trabalhou com David LaChapelle neste memorável vídeo do seu álbum Back To Black, vencedor de cinco Grammy  Awards, em 2006. Filmado em Hollywood Boulevard, Los Angeles, no Grand Motel e em redor do Echo Park , vemos as peças de assinatura de Winehouse que agradaram a todos, desde a cantora Ronnie Spector até à atriz Brigitte Bardot: o penteado colmeia, bailarinas, eyeliner espesso, um colete combinado com pequenos calções e um vestido gingham vintage que mais tarde foi vendido por € 54.510 num leilão para a Amy Winehouse Foundation. Embora o seu estilo fosse denegrido por muitos na imprensa musical britânica da época, a influência de Winehouse era totalmente inegável. 

4. George Michael - Freedom! ‘90 (1990)

Não há nada que grite Moda como esta peça de seis minutos e meio com a participação de quem eram (e provavelmente ainda são) as melhores supermodelos do mundo: Naomi Campbell, Linda Evangelista, Christy Turlington, Cindy Crawford e Tatjana Patitz. Inspirado na capa da Vogue britânica, fotografada por Peter Lindbergh, em janeiro de 1990,  o vídeo realizado por David Fincher (Fight Club, de 1999) e filmado na baixa do sul de Londres, o vídeo com estilo neo-noir, conta com ícones da Moda do futuro, incluindo o cabeleireiro Guido Palau, a maquilhadora Carol Brown, a stylist e editora da Vogue Camilla Nickerson e o fotógrafo Mario Sorrenti.

5. Lady Gaga - Bad Romance (2009) 

Esta curta-metragem fantasticamente divertida e futurista, realizada por Francis Lawrence, autora da franquia The Hunger Games, serve agora como uma ode significativa ao génio que foi Alexander McQueen. McQueen enviou à sua amiga uma série de peças para o vídeo da coleção Plato’s Atlantis (incluindo os infames sapatos Armadillo) e, em troca, Gaga acidentalmente fez com que o ShowStudio “caísse” quando anunciou que o desfile da primavera/verão de 2010 de McQueen - o último antes da sua morte prematura - estava a ser transmitido em direto (o primeiro designer a a fazê-lo). Parte do One Billion Club (vídeos que alcançaram mais de mil milhões de visualizações desde  a sua publicação inicial), pode ver Gaga a explicar o vídeo Bad Romance aqui. 

6. Harry Styles - Watermelon Sugar  (2020)

Completamente imerso no estilo dos anos 70, Harry Styles e o stylist Harry Lambert chamou ao pódio as melhores ofertas da passerelle para criar um mar de tops aconchegantes de croché, óculos de sol oversized e lenços de pescoço boho skinny. Filmado em pré-confinamento Covid-19, em Malibu, o vídeo apresenta imagens fabulosas em câmara lenta de Styles a comer melancia, rodeado por pessoas que não usavam muitas roupas. A canção ganhou um Grammy em 2021 - o look total Gucci outono/inverno 2020 também devia ter ganho um prémio

7. Hole - Violet (1994)

O epítome da Moda dos anos 90, este vídeo está cheio de visuais clássicos de Courtney Love: vestidos de ballet vintage, um babydoll preto, batom manchado com um Fender verde-sabre e ganchos de cabelo agarrados a um cabelo despenteado. Realizado pelo fotógrafo Mark Seliger e pelo diretor criativo da Rolling Stone, Fred Woodward, Love citou flashbacks de ácido como inspiração para a estética do vídeo. As strippers em destaque eram empregadas na vida real do lendário Jumbo's Clown Room, em Los Angeles, onde a própria trabalhou nos anos 80. 

8. Madonna - Like a Virgin (1984)

Se foi uma criança no anos 80 e não estava a usar 4.000 crucifixos, um cinto ‘Boy Toy’ e uma boa quantidade de rede e renda, quem era você mesmo? Desde o soutien que aparece debaixo da t-shirt verde néon, ao top preto feito em casa, aos lábios vermelhos brilhantes e um vestido de noiva, assistimos em choque e espanto enquanto Madge se contorce por Veneza parecendo-se como nada que alguma vez tivéssemos visto - e foi eletrizante. Uma das artistas mais influentes e duradouras da cultura popMadonna tem sido um ícone da Moda desde o primeiro dia.

9. Missy Elliott - The Rain (Supa Dupa Fly) (1997)

O estilo de Miss E tem estado no ponto desde a sua primeira incursão em vídeos musicais através do seu primeiro grupo: o fortemente coordenado e incrivelmente cool, Sista. Desde então, que tem usado fatos em pele (nos Grammy, em 2002), uma legião de brincos enormes (em todos os vídeos), fatos de treino personalizados (apenas Adidas, obrigado) e este puffa embelezado para o outono/inverno de 2016 de Marc Jacobs, filmado por David Sims. Estamos perante ícones, apenas. Para este vídeo filmado em lente de olho-de-peixe, por Hype Williams, com convidados como Timbaland, Lil' Kim, Da Brat e Sean Combs, Elliott conseguiu fazer com que um fato em pele ficasse bem. Se ao menos todos nós pudéssemos ser um pouco mais Missy.

10. Tupac Shakur - Keep Ya Head Up (1993)

 Um dos artistas mais bem vestidos do hip-hop, Tupac Shakur, marcou o estilo dos anos 90 com as suas bandanas para trás, bucket hats, boxers, macacões largos, botas Timberland e denim Carhartt. Para esta canção sobre a capacitação das mulheres negras, Shakur escolheu uma t-shirt clássica de Karl Kani às riscas, um piercing no nariz, sweatpants folgadas verdes e um boné, inclinado somente o necessário. Preste atenção aos cameos da sua mãe, Afeni, e da sua melhor amiga Jada Pinkett Smith.

Hattie Collins By Hattie Collins

Relacionados


Beleza  

LFW outono/inverno 2024 | A beleza nos backstages

22 Feb 2024

Moda   Compras   Tendências  

Trend Alert | Subversive

22 Feb 2024

Entrevistas  

Conheça Adrian Appiolaza, o novo diretor criativo da Moschino

21 Feb 2024

Moda   Coleções  

LFW outono/inverno 2024 | O 40º aniversário da Semana de Moda de Londres

21 Feb 2024