Vogue TV   Vídeos  

Conversas Comigo | Luís Sanchez: "Ponderei se faria sentido continuar a Storytailors sem o João"

17 Mar 2019
By Hélio Bernardino

No dia em que se assinalam três meses sobre a morte de João Branco, a Vogue fala com Luís Sanchez, a outra metade - em mais do que uma dimensão - da dupla StoryTailors sobre passado, presente e, acima de tudo, futuro da marca.

No dia em que se assinalam três meses sobre a morte de João Branco, a Vogue fala com Luís Sanchez, a outra metade - em mais do que uma dimensão - da dupla Storytailors sobre passado, presente e, acima de tudo, futuro da marca.

Não é uma conversa fácil. O que se pode dizer quando as palavras são parcas para explicar uma saudade que não encontra conceitos à altura? Como falar de um futuro, quando o passado se perdeu num segundo? Como encarar o presente sem a cara-metade, o outro lado da casa, como um dup dinâmico reduzido a 50%?

A 17 de dezembro de 2018, Luís Sanchez recebeu o telefonema que ninguém quer alguma vez receber: "o nosso João optou por partir por sua vontade", mais tarde comunicaria a marca. Mas o que motivou essa vontade só "Miguel", como lhe chamava a família, saberia. Sanchez ainda procura respostas para a questão, mas prefere concentrar-se em celebrar a vida de um companheiro de vida que foi o seu braço direito no trabalho e o seu coração fora dele ao longo de mais de vinte anos.

Naquela que é a sua primeira grande entrevista desde que Branco desapareceu, Luís fala sobre as suas origens, o relacionamento com João, aquela fatídica segunda-feira e como percorrerá o caminho a partir de agora. O passo-a-passo é dado com serenidade, sempre com muitas emoções à flor da pele, e é ainda algo por descobrir, mas passa por duas certezas: o Monte das Pretas, uma herdade no Alentejo da família de João Branco que a dupla estava a renovar e queria transformar numa espécie de escola, guesthouse e atelier, para partilharem o que mais os motivava - a criatividade, o conhecimento de Moda e amizade; e homenagens sucessivas ao co-fundador da Storytailors, sempre que elas fizerem sentido.

Uma decorreu já este fim-de-semana ao longo do Portugal Fashion: a primeira coleção da dupla, apresentada no âmbito do Sangue Novo da ModaLisboa em 2001, intitulada "Metamorfose", ganha o nome agora de "Maturação", numa clara alusão ao crescimento da dupla, mas também à necessidade de adaptação face aos desenvolvimentos recentes da marca. A instalação audiovisual revisita as peças originais do duo e acrescenta-lhe um vídeo tributo em memória de João Branco.

A Vogue, representada por Hélio Bernardino, inaugura esta série de entrevistas intitulada "Conversas Comigo" com um episódio-piloto que tem tanto de sentido como de exclusivo: sentou-se com Luís Sanchez e presta a sua própria homenagem ao criador de Moda João Branco, dando voz a quem o carrega - e carregará para sempre - no coração.

Hélio Bernardino By Hélio Bernardino

Relacionados


Opinião  

Got Milk?

18 May 2024

Moda  

12 small brands que vale (muito) a pena conhecer

17 May 2024

Notícias  

As melhores lojas vintage de Lisboa

17 May 2024

Curiosidades  

Os 6 álbuns de vingança mais famosos da história da música

16 May 2024