Artigo Anterior

O génio da lente: Leonor Bettencourt

Próximo Artigo

Entrelaçadas

Mango Journeys: Leandra Medine em discurso direto

Entrevistas 25. 10. 2017

by Sara Andrade

 

Journeys é a série digital da Mango que explora as diferentes facetas de personalidades conhecidas. O mais recente episódio conta com a entrepreneur digital Leandra Medine.

Também responde por Man Repeller, o website que lançou para dar voz às mulheres e acabou por ser ela a voz maior de uma geração que partilha da sua visão e se inspira nas suas palavras. Fala de Moda e de Beleza e de Lifestyle e de todas as coisas que adoramos. E fala de si e dos seus problemas e de todas as coisas que somos enquanto género e pessoas. Fala também, na primeira pessoa, para a Vogue Portugal, sobre esta experiência com a Mango, sobre o trabalho e sobre si.  

A Mango Journeys é uma série sobre estilos (de vida) e passeias pelos teus sítios preferidos de Nova Iorque. Há algum que tenhas deixado de fora e que queira partilhar? 

Bom, deixámos de fora a minha casa, por razões óbvias (é um local privado e nunca o abro ao público), mas porque sou muito caseira, acho que, para verdadeiramente entenderes a minha Nova Iorque, tens de ter alguma noção do sítio onde moro.

Usas looks diferentes ao longo da campanha. O styling é todo teu? E qual é o teu favorito? 

Todos escolhidos por mim - e o meu preferido é o blazer axadrezado com o vestido a combinar.

Qual é o visual "à prova de tudo" no qual confias quando tens que sair de casa à pressa e não sabes o que vestir?

Calças de ganga de cintura subida, uma t-shirt branca de decote em barco, um trench-coat e saltos altos com personalidade.

O teu website chama-se Man Repeller, implicando, entre outras referências, alguma noção de que as roupas que as mulheres usam nem sempre agradam aos homens. Há looks que geram consenso?

Definir o Man Repeller de forma literal como um site sobre tendências que as mulheres adoram e os homens detestam é demasiado redutor para explicar o ponto de vista da marca, cujo objetivo é na verdade baseado na noção de que todas as mulheres têm uma voz que vale a pena ouvir, que podemos desfrutar de coisas bonitas e por vezes triviais, como um par de sapatos demasiado caro; mas também nos encontramos imersas em debates acesos sobre assuntos muito mais profundos na mesma discussão. Mesmo quando o lancei, nunca foi verdadeiramente sobre roupas que os homens detestam e as mulheres amam: era (e ainda é!) uma celebração de estilo pessoal.

Por falar em Journeys (e imediatamente considerando viagens), qual é a tua estratégia para uma rápida viagem de negócios? E para umas férias prolongadas? 

Tento ir para todo o lado, independentemente da distância ou tempo fora, com uma mala de cabine. A minha estratégia é, normalmente, levar 3 ou 4 das minhas peças favoritas, numa versão ao género dos itens à prova de tudo que mencionei anteriormente. É mais difícil quando vou para climas mais frios, porque preciso de camisolas (embora normalmente faço logo sobreposições no avião), mas fácil quando o destino é quente. Afinal, tudo o que precisas é de um sarong e fato de banho, não é?

O Man Repeller é muito mais que um destino online de conteúdo visual. Qual foi o post mais viral e porque achas que foi tão popular?

Há uns anos, escrevi um artigo sobre o porquê de não usar maquilhagem, incitado pelo facto de outro website me ter chamado feia; foi viral quase de imediato e chegou a mandar o site abaixo. A quantidade de apoio que recebi de seguida foi muito comovente. Mas acho que a viralidade do conteúdo teve a ver com o facto de ter sido escrito de forma muito honesta.

Tens, claro, uma equipa maior do que aquela que tinhas quando começaste. Tens também mais secções no website e colaboradores. Fala-nos um pocuco da evolução de blogue para website e o que mais mudou? Imaginaste que seria tão grande?

A maior mudança tem a ver com a gestão de pessoas. Quando és só tu, não tens ninguém a quem responder senão tu própria; com uma equipa maior, aprendes mesmo o valor e significado de espírito de equipa.  The biggest change has been managing people. E sim! Sempre soube que ia ser grande, porque eu sonho sempre em grande. 

O que imaginas para o futuro do Man Repeller - mais web ou mais redes sociais?

Uma combinação de ambos, alguma versão em produto e a contínua aposta na ligação com a comunidade.

A eterna discussão: o online vai acabar com o papel? Como poderão os dois evoluir e coesxistir, na tua opinião?

Os media de luxo terão sempre um espaço no papel.

Alguma vez estiveste em Portugal?

Nunca, mas adoraria visitar!

As peças Mango Journeys com Leandra Medine

Artigos Relacionados

Tendências 23. 10. 2017

O vestido eco-friendly preferido das instagrammers

A segunda edição Mango Commited já está nas lojas e uma das peças invadiu os nossos feeds no Instagram.

Ler mais

Notícias 10. 10. 2017

O compromisso da Mango

A Mango lança a segunda coleção "Commited", assegurando a continuidade na aposta de uma Moda mais sustentável e amiga do ambiente.

Ler mais

Notícias 28. 9. 2017

Sofía de Betak protagoniza a série da Mango

A nova coleção da Mango é apresentada pelo ponto de vista de Sofía de Betak e Buenos Aires como cenário.

Ler mais

Guestlist 17. 7. 2017

Exclusivo: Campanha de outono/inverno 2017 da Mango

Mario Sorrenti transporta-nos num viagem única e especial pela nova campanha da Mango, onde os sentidos estão à flor da pele.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK