Artigo Anterior

As sete musas do teletrabalho

Próximo Artigo

A Rainha Elizabeth II em nove momentos de estilo

Pessoas 7. 4. 2020

O regresso de Jane Fonda aos vídeos de exercício físico

by Ana Catarina Machado

 

Este é um regresso mais-que-bem-vindo para os dias de isolamento, mas este vídeo de workout tem uma outra mensagem.

Jane Fonda, 1979 © Getty Images

“Olá TikTok, o meu nome é Jane Fonda. Vou trazer de volta Jane Fonda Workout”, foi assim, deitada sobre um tapete de yoga, que Jane Fonda nos fez viajar diretamente até à década de 80, onde milhares de pessoas acompanhavam e praticavam, através dos seus lares, os vários exercícios coodernados pela atriz.

Depois de alguns levantamentos de pernas, a atriz e ativista pelos direitos ambientais interrompeu a explicação para passar a mensagem que a levou a usar o TikTok. As alterações climáticas são uma grande preocupação para Jane Fonda, que tem defendido esta causa com unhas e dentes e por isso mesmo, decidiu levar os seus protestos para o mundo digital. “Sabem que mais? Há demasiados treinos a acontecer neste momento na televisão ou nos computadores. O que eu gostaria realmente que fizessem é exercício comigo em prol do planeta", confessou Fonda.

“Há uma crise climática que é uma verdadeira emergência e, por isso, quer estejas no teu sofá ou no tapete de yoga, quereres juntar-te a mim para a virtual Fire Drill Fridays? O futuro precisa de ti. Eu preciso de ti”, assegurou a atriz norte-americana.


 
 
 
Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Jane Fonda (@janefonda) a

 

Organizados por Jane Fonda em conjunto com a Greenpeace USA, os Fire Drill Fridays são comícios que têm como principais objetivos sensibilizar os indivíduos para as alterações climáticas, de que forma é que se pode ajudar virtualmente e ainda destacar o ativismo liderado por jovens ao longo do mês de abril.

Além destes exercícios serem benéficos para a saúde e aquela motivação extra para todos aqueles que se encontram por casa, a página oficial da Greenpeace escreveu, numa legenda no Instagram, que a iniciativa pretende “manter a pressão sobre os políticos para que adotem um #GreenNewDeal, acabar com os novos combustíveis fósseis, e fazer uma transição justa para uma economia renovável que proteja os trabalhadores e as comunidades”.

Os exercícios terão lugar todas as sextas-feiras de abril, em formato digital.

Artigos Relacionados

Notícias 27. 12. 2019

Oito provas de como a indústria da Moda está cada vez mais consciente

Desde a compensação para o carbono na Gucci e Burberry até ao pacto de moda G7 assinado por 250 marcas, a sustentabilidade tem estado nas bocas do mundo durante o ano 2019. A Vogue relembra como a indústria intensificou os seus esforços neste campo durante este ano.

Ler mais

Curiosidades 18. 10. 2019

Moda e sustentabilidade: um futuro com passado

Vestir a consciência ecológica, aplicar o selo clean no rosto ou deixar de asfixiar a casa e o planeta com a leveza sufocante do plástico podem parecer tendências do hoje – mas a sustentabilidade, essa chave que promete abrir as portas da indústria da Moda para deixar entrar um futuro menos negro e mais verde, não é uma coisa do agora.

Ler mais

Curiosidades 2. 10. 2019

Sustentabilidade e bom senso

A culpa é de Orson Welles e do dia em que Marte não atacou. Depois disso, o mundo tornou-se permeável a uma série de catástrofes que afinal não matam, só moem. Pequeno guia de mitos eco-friendly, porque as notícias estão cada vez mais cheias de factos por verificar.

Ler mais

Entrevistas 12. 9. 2019

Do fundo do mar

Lixo atirado para o centro da terra, onde a água deveria respirar livre de agressões humanas. Há quem o ignore, e há quem o recolha e fotografe. Como uma obra de arte. Como chamada de atenção para o que estamos a deitar fora.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK