Estilo   Pessoas  

20 dos melhores momentos de Gisele Bündchen nas passerelles

19 Jul 2019
By Cátia Pereira Matos

Ou, se preferir, vinte imagens da modelo brasileira a sambar, com elegância e atitude, na cara das inimigas.

 Atenção: a galeria que se segue contém imagens da modelo brasileira a sambar, com elegância e atitude, na cara das inimigas.

 

14 de novembro de 2002. Nova Iorque. Desfile anual da Victoria’s Secret. Quatro membros da People for the Ethical Treatment of Animals (PETA) invadem a passerelle montada no interior do 69th Regiment Armory no preciso momento em que Gisele Bündchen está a desfilar, vestida com lingerie em tons de preto e vermelho. Nas mãos, os defensores dos direitos dos animais seguram cartazes onde se lê a frase “Gisele: fur scum” (“Gisele: escumalha das peles”, numa tradução literal). E o que é que a modelo brasileira, à data com 22 anos, faz? De mãos nas ancas e de queixo erguido, continua a andar, indiferente àquela situação. “Estava só a fazer o meu trabalho. Sou uma modelo”, disse na altura aos jornalistas, nos bastidores do evento.

O protesto, que acontecera em resposta a uma campanha publicitária de Gisele para a marca de casacos de pele Blackglama, pode não ter arruinado o momento de Bündchen na passerelle do Victoria’s Secret Fashion Show (apesar de ter obrigado a uma segunda gravação do desfile); todavia, acabou por ter um impacto na vida da modelo, que, depois dessa ocorrência, repensou as suas escolhas profissionais. “Eles [PETA] enviaram-me todos esses vídeos [sobre a morte de animais pela indústria da Moda]. Eu não tinha conhecimento e fiquei arrasada. Então disse: ‘Ouve, não vou continuar a fazer campanhas com pelo”, recordou em entrevista à Vogue norte-americana, em julho de 2018.

Olhando para trás, o confronto PETA versus Gisele, naquele novembro de 2002, foi um dos momentos mais marcantes da modelo em cima das passerelles. Há, no entanto, muitos outros que se destacam ao longo das duas décadas de Gisele dedicadas à Moda. Na galeria, em cima, recordamos 20 — mas, e uma vez que estamos a falar de Gisele, poderiam perfeitamente ser 30, 40 ou 50.

 

Cátia Pereira Matos By Cátia Pereira Matos

Relacionados


Lifestyle  

Hermès: reabertura da icónica loja em Lisboa

28 Feb 2024

Moda   Compras   Tendências  

Trend Alert | Midriff

28 Feb 2024

Entrevistas   Pessoas  

Chemena Kamali fala sobre a Chloé: Karl, liberdade, Phoebe, empatia e o apelo duradouro dos anos 70

28 Feb 2024

Palavra da Vogue  

O que lhe reservam os astros para a semana de 27 a 4 de março

27 Feb 2024