Artigo Anterior

Um guarda-roupa para a it girl intemporal

Próximo Artigo

A natureza e o ser humano estão no centro das propostas da Kozii Shop para o verão

Guestlist 20. 7. 2021

Fielsven Millinery, em cada chapéu uma obra de arte

by Vogue Portugal em colaboração com Fielsven Millinery

 

Produzidos à mão com materiais premium, os chapéus Fielsven Millinery são verdadeiras objetos de desejo. Chapéus há muitos. Verdade. Mas chapéus como os da Fielsven Millinery, nem por isso.

“O nosso propósito é fazer chapéus com uma aparência autêntica e carismática.” É assim que Sven Fiel, CEO & Founder da Fielsven Millinery, apresenta a marca que nasceu no final de 2019. É na cidade Invicta que nascem estas silhuetas. São chapéus produzidos à mão que podem ser costumizados, com feltros premium (furfelts, em que a ordem de qualidade e preço ascende de Coelho, Lebre e Castor - sendo na maioria o Castor o mais utilizado) e um design único. Os tecidos utilizados para as fitas são provenientes de marcas de luxo mundialmente reconhecidas, entre elas Valentino, Chanel, Versace, Etro e Just Cavalli. No portefólio podemos encontrar chapéus prontos a ser usados e também um serviço de personalização, diretamente aconselhado pelo designer.

Os chapéus são o acessório-chave em qualquer coordenado. Num look mais descontraído, composto por jeans e uma t-shirt, levamos um chapéu. Com um fato de três peças? Idem aspas. Com um vestido fluido e com estampado florido? O que não pode faltar um chapéu. Com penas de coruja, com feltro de castor, em pele, pintados à mão, com pedras vulcânicas, com as abas perfeitas ou semi-cortadas, as opções são quase infinitas. 

Nesta silly season e em todas as estações, os chapéus Fielsven Millinery são o acessório que vamos querer ter sempre à mão. Faça chuva, faça sol.

 

 

Errata: na edição de julho/agosto da Vogue Portugal, na página 74, a legenda correta do chapéu Brigitte é: Chapéu Brigitte em feltro de Castor, com tecidos de Alta-Costura na fita e penas de coruja da Just Cavalli, € 470, Fielsven Millinery.