Artigo Anterior

Girl power em 20 frases inspiracionais

Próximo Artigo

Beyoncé e Jay-Z: 10 anos em 10 momentos

Curiosidades 3. 4. 2018

É tão bom ser pequenino

by Patrícia Domingues

 

Falar das nossas infâncias é também falar delas. Se escolhessemos um título para ilustrar as nossas mais recônditas peripécias, é muito provável que um dos seus livros fosse o mote. Uma aventura, em todas as partes do mundo e da nossa cabeça, Rosa, minha irmã Rosa, substituindo o nome pelo da nossa irmã mais nova, Pé de Pai e Coração de Mãe, a lista é um desenrolar de memórias como se de um álbum se tratasse. 

Na edição de abril da Vogue poderá mergulhar nos seus testemunhos de infância, aqui poderá aguçar o apetite com o título que cada uma das escritoras entrevistadas daria à sua infância.

Alice Vieira: “A história da enjeitadinha.”

Isabel Alçada: “Maravilha e fantasia.”

Ana Maria Magalhães: “O tesouro que ninguém me pode roubar.”

Isabel Minhós Martins: “Ainda não brinquei tudo, posso continuar?” 

Margarida Fonseca Martins: “Ui, que terrível pergunta. Se há coisa que me custe é dar títulos a histórias. E não escreveria a minha infância ― ela já existe em pedaços por tudo o que escrevi.”

 

Artigos Relacionados

Entrevistas 3. 4. 2018

Entre nós e as palavras

Descrevem mundos, criam laços, declaram amor e descobrem verdades. Para Anabela Mota Ribeiro, são muito mais que uma ferramenta de trabalho.

Ler mais

Inspiring Women 3. 4. 2018

A poesia da liberdade: Matilde Campilho

Estamos no mês da liberdade. A poesia é liberdade e a liberdade é poesia e nenhuma delas existiria sem palavras. Estas são as de Matilde Campilho.

Ler mais

Entrevistas 3. 4. 2018

A poesia da liberdade: Maria Teresa Horta

Estamos no mês da liberdade. A poesia é liberdade e a liberdade é poesia e nenhuma delas existiria sem palavras. Estas são as de Maria Teresa Horta.

Ler mais

Entrevistas 3. 4. 2018

As palavras são delas: Filipa Martins

Perguntámos a escritoras portuguesas o que é a palavra enquanto catarse. Esta é a história de Filipa Martins.

Ler mais

Tendências 3. 3. 2018

Passar a palavra

Para quê dizê-lo quando pode simplesmente vesti-lo?

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK