Moda   Notícias  

Clare Waight Keller deixa Givenchy

10 Apr 2020
By Rui Matos

Três anos depois de ter assumido a liderança criativa da maison francesa, a designer britânica fecha este capítulo.

Três anos depois de ter assumido a liderança criativa da maison francesa, a designer britânica fecha este capítulo.

“Depois de três anos maravilhosos, chegou a hora de encerrar o meu capítulo na Givenchy”, começou por escrever, na sua conta de Instagram, Clare Waight Keller para anunciar que está de partida da Casa francesa. 

Foi em março de 2017 que a designer britânica assumiu a liderança criativa da Givenchy, tornando-se assim na primeira mulher a assumir este cargo desde que Hubert de Givenchy fundou a maison em 1952. “Tendo sido a primeira mulher a assumir o cargo de diretora artística nesta marca lendária, sinto-me honrada por ter tido a oportunidade de valorizar o seu legado e trazer-lhe uma nova vida.” 

 

Waight Keller não tinha o trabalho facilitado. Antes de si, Riccardo Tisci passou 12 anos à frente da Ginvechy, conseguindo resgatar a marca do esquecimento e torná-la num sucesso de vendas e sendo um dos pioneiros na fusão entre a Moda de luxo e a Moda urbana. A fasquia era alta, mas a designer, que anteriormente tinha passado seis anos na Chloé, decidiu revolucionar por completo a estética da Givenchy, deixando assim de part o lado mais gótico e sexy de Tisci. A revolução de Clare começou nos arquivos da Givenchy e foi com eles em mente que a designer transformou os clássicos do fundador em peças sofisticadas, funcionais e muito urbanas.

Apesar do curto espaço de tempo que passou nos ateliers da marca, Clare conseguiu alguns feitos memoráveis: vestiu Meghan Markle no dia do seu casamento, foi galardoada com o prémio de Womenswear Designer of the Year pelo British Fashion Council e ainda trouxe a linha de Alta-Costura de volta para as passerelles, talvez aquilo que mais gosto lhe deu. “Focar o mundo com base na Alta-Costura tem sido um dos maiores destaques da minha jornada profissional. Partilhei tantos momentos incríveis com as equipas brilhantes dos ateliers e do estúdios de design da Givenchy: o vosso talento e dedicação excepcionais vão permanecer para sempre na minha memória.”

Segundo o WWD, a Givenchy vai anunciar a nova “organização criativa” num futuro próximo. Dada a ausência de um diretor criativo e devido ao encerramento das fábricas devido à pandemia causada pelo novo coronavírus, a marca cancelou a coleção Resort e anunciou também que não iria produzir a coleção de outono/inverno 2020 da Alta-Costura.

Rui Matos By Rui Matos

Relacionados


Moda   Compras   Tendências  

Trend Alert | Corporate Core

18 Apr 2024

Guestlist  

Tastes like summer, smells like Victoria

17 Apr 2024

Atualidade   Curiosidades  

Celeste Caeiro, do Franjinhas para os livros de História

17 Apr 2024

Moda   Tendências   Compras  

Trend Alert | As carteiras essenciais para esta primavera

16 Apr 2024