Artigo Anterior

Gap junta Cher e Future em novo anúncio

Próximo Artigo

Cópia ou inspiração?

Curiosidades 19. 9. 2017

10 anos de Gossip Girl

by Rui Matos

 

Numa era em que o Facebook e o Twitter não tinham o mesmo impacto que hoje têm, onde não havia Instagram ou Snapchat, onde a internet ainda dava os primeiros passos no mundo das grandes massas, existiu Gossip Girl, a série norte-americana que revolucionou a cultura popular. 

Hey Upper East Siders, Gossip Girl here.

Começou assim um novo capítulo da cultura popular um pouco por todo o mundo. O episódio piloto foi para o ar no dia 19 de setembro de 2007 e este ano celebra-se o décimo aniversário.

Era quase impossível adivinhar que Gossip Girl iria ter o sucesso que alcançou e do qual ainda goza. À época, a CW era uma nova estação televisiva que estava a dar os primeiros passos na indústria do entretenimento. Apostar numa adaptação das obras literárias de Cecily Von Ziegesar era um projeto ambicioso, mas Stephanie Savage e Josh Schwartz pensaram e fizeram acontecer. 

Adolescentes privilegiados a viver numa das zonas mais luxuosas da ilha de Manhattan acabam por não conseguir esconder nenhum segredo, tudo por causa de Gossip Girl, um blogue alimentado pelos escândalos das it girls e it boys. A identidade da pessoa por detrás de Gossip Girl é mistério durante as 6 temporadas. 

Os personagens depressa se transformaram em personalidades icónicas do showbiz: Blair Waldorf (Leighton Meester), a Queen B de todo programa; Serena van der Woodsen (Blake Lively) a it girl de Nova Iorque; Nate Archibald (Chace Crawford) o quebra-corações; Chuck Bass (Ed Westwick) o grande amor de Blair; e Dan Humphrey (Penn Badgley) o outsider. 

Para celebrar o décimo aniversário do primeiro episódio revelamos 10 coisas que provavelmente não sabia sobre o mundo Gossip Girl. 

1. Inicialmente Gossip Girl estava pensado para ser um filme e Lindsay Lohan iria dar vida a Blair Waldorf.

2. Ao contrário do que é mostrado em vários episódios, não é possível estar sentado nas escadas do Metropolitan Museum of Art.

3. Cada gravação de exteriores custava entre 10 mil e 60 mil dólares.

4. A série foi criticada pelo Parent Television Council por ser “inapropriada” e “o pesadelo de qualquer pai” e, a partir desse momento, estas frases passaram a ser slogans promocionais para novos episódios ou temporadas. 

5. O dia 26 de janeiro é oficialmente o Gossip Girl Day: Michael Bloomberg foi o governador norte-americano, que depois de ter visitado as gravações decidiu premiar a série pela maneira como a cidade de Nova Iorque era retratada. 

6. *SPOILER ALERT* Penn Badgley (Dan Humphrey) só descobriu que era Gossip Girl minutos antes de gravar a cena. 

7. Kristen Bell era a voz de Gossip Girl.

8. Os coordenados de Blair Waldorf eram inspirados em Audrey Hepburn, enquanto que o guarda-roupa de Serena tinha influências do estilo da supermodelo Kate Moss.

 

9. Em Nova Iorque, é possível fazer uma viagem turística pelas melhores sítios de Gossip Girl: começar pela Grand Central Station (onde foi gravada a primeira cena de Serena), tomar o pequeno almoço no New York Palace Hotel, beber um cocktail no Empire e ainda visitar as famosas escadas do MET.

10. *SPOILER ALERT* Desde o início que os produtores da série sabiam que Blair e Chuck iam acabar juntos. 

Xoxo, 

Gossip Girl

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK