Artigo Anterior

Ana Salazar recupera marca em nome próprio

Próximo Artigo

Smoky Olive, a nova loja vintage de Helena Coelho

Notícias 21. 11. 2018

As mulheres mais influentes de 2018 na Moda são...

by Mónica Bozinoski

 

Podem ser chamadas de it girls, influenciadoras ou celebridades, mas a única certeza é que, segundo dados registados pela Lyst, são as dez mulheres mais influentes de 2018 em matéria de estilo. Com o ano quase a terminar, a plataforma de pesquisa global de Moda lançou um relatório que prova a influência que nomes como Meghan Markle, Kylie Jenner e até mesmo Serena Williams têm no modo como as pessoas pesquisam e consomem. 

Para chegar ao top dez de celebridades mais influentes da Moda, a plataforma "monitorizou os picos na procura e as menções em redes sociais geradas por 50 estrelas globais no decorrer do ano, analisando as pesquisas e vendas de alguns dos seus coordenados mais virais". Numa era em que o Instagram parece dominar o modo como as tendências se propagam, a plataforma de pesquisa aponta para o facto de "as celebridades, e as roupas que vestem, serem ainda a fonte de maior influência para aquilo que os consumidores pesquisam online". 

Segundo a Lyst, estas são as dez celebridades - ou ultra-influenciadoras, se quiser -, que dominaram o topo das pesquisas e foram responsáveis pelos picos de procura na plataforma em 2018. 

10. Ariana Grande 

©Getty Images

Entre o sucesso megalómano de Sweetener, o seu quarto álbum de estúdio, e o lançamento inesperado do tema Thank U, Next, no início do mês de novembro, a carreira de Ariana Grande não mostrou qualquer intenção de abrandar em 2018: e a influência que a cantora e o seu estilo representam nos mais de 135 milhões de seguidores que coleciona no Instagram também não. 

Segundo a plataforma Lyst, Ariana Grande "impulsionou milhares de pesquisas para marcas como Reebok, Burberry e Vera Wang neste ano", sendo que a cantora foi um dos rostos da Reebok em 2018, e optou por usar um vestido com assinatura Vera Wang para a Met Gala 2018. A par com estes dados, e graças aquilo que a Lyst chama de "efeito Ariana", as pesquisas para oversized hoodies - uma peça essencial no guarda-roupa de Ariana Grande -, aumentaram em 130% em relação a 2017. 

9. Rihanna 

©Getty Images

Do primeiro lugar em 2017 para a nona posição em 2018, mas com uma influência desmedida graças à gigante da Beleza, Fenty Beauty, e à recém-lançada marca de lingerie Savage Fenty, que se estreou na Semana de Moda de Nova Iorque com uma ovação da indústria pelo casting verdadeiramente inclusivo, Rihanna continua a ser um nome de peso quando o tema é ditar tendências

"O vestido fuchsia Saint Laurent que Rihanna usou para a sua festa de aniversário esgotou rapidamente em todo o mundo", apontam os dados recolhidos pela Lyst. "Para além disso, a balaclava Gucci que Rihanna usou no Coachella levou a um pico de 19% nas pesquisas", conclui a plataforma. 

8. Blake Lively 

©Getty Images

Dos anos inesquecíveis como Serena van der Woodsen na série de culto Gossip Girl às aparições memoráveis na passadeira vermelha (a sua interpretação altamente adornada do tema Hevenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination da Met Gala é apenas um dos muitos exemplos), o estilo de Blake Lively não deixa ninguém indiferente. 

Nos últimos meses, e a propósito da promoção de A Simple Favor, a sua mais recente aventura cinematográfica, a atriz optou pela magia que um power suit pode fazer na passadeira vermelha. Não houve um único estilo que faltasse - do smoking ao vestido smoking, do néon ao veludo, das riscas aos quadrados, nada escapou a Blake Lively -, mas foi o seu mais recente fato que levou o troféu de mais influente para casa.

De acordo com os dados divulgados pela Lyst, o coordenado de duas peças em tons de creme com assinatura Ralph Lauren, usado por Blake Lively na estreia de A Simple Favor em solo britânico, "inspirou mais de quatro mil pesquisas por fatos Ralph Lauren na semana seguinte". 

7. Chiara Ferragni 

©Getty Images

A blogger e it girl italiana não é uma desconhecida quando as palavras "influência" e "Moda" se juntam na mesma lista. Da marca The Blonde Salad às colaborações de sucesso, sem menosprezar os seus mais de 15 milhões de seguidores no Instagram, Chiara Ferragni é um nome de peso na indústria, e a sua influência é impossível de negar. 

Em setembro deste ano, Chiara Ferragni e o rapper Fedez deram o nó numa cerimónia onde nada foi deixado ao acaso - incluíndo o muito aguardado vestido da noiva. A responsabilidade de vestir a it girl no grande dia ficou a cargo de Maria Grazia Chiuri, diretora criativa da maison Christian Dior, que criou um vestido Haute Couture digno para a ocasião. Na semana seguinte, e como não deve surpreender ninguém, a plataforma Lyst registou um aumento de pesquisas pela palavra Dior em 109%. 

6. Serena Williams 

©Getty Images

Na indústria da Moda, controvérsia e sucesso são, muitas vezes, duas faces da mesma moeda. Se dúvidas restassem, as escolhas da tenista Serena Williams dentro do court são uma prova clara disso mesmo, e transformaram o palco do US Open numa verdadeira lição de estilo. 

Fruto da mente criativa de Virgil Abloh, as peças da coleção Off-White x Nike usadas por Serena Williams despertaram uma onda de pesquisas, de semana para semana, na plataforma Lyst. "O conjunto Off-White x Nike usado por Serena Williams foi sinónimo de um surto de procura por coordenados de ténis pretos, e as pesquisas por 'saia de ténis preta' e 'vestidos de ténis pretos' aumentaram em 108%", pode ler-se nas descobertas da plataforma de pesquisa. 

5. Beyoncé 

©Getty Images

 

O ano de 2018 marcou o regresso aguardado de Beyoncé, não só aos palcos, mas também ao panorama musical. Depois de um espetáculo de proporções épicas no festival de música Coachella, a cantora uniu forças com o marido e rapper Jay-Z para lançar o primeiro álbum conjunto do casal, Everything is Love, e embarcar no segundo capítulo da On The Run Tour

Sagrando-se a primeira mulher negra a ser cabeça de cartaz do Coachella, Beyoncé recorreu ao designer Olivier Rousteing, diretor criativo da Balmain, para desenhar o guarda-roupa perfeito para marcar o seu regresso. Os coordenados da Queen Bey tornaram-se tão virais quanto o próprio espectáculo - segundo a plataforma Lyst, a sweater amarela usada pela cantora traduziu-se num aumento de 58% nas pesquisas por Balmain hoodies.

Já o videoclipe de Apeshit, o single que aguçou o apetite de fãs da dupla The Carters em todo o mundo, foi responsável pelo surto de pesquisas por fatos cor de rosa, registado pela plataforma Lyst durante o verão deste ano. Quando Beyoncé usa um fato cor de rosa com assinatura Peter Pilotto, enquanto posa em frente ao quadro de Leonardo Da Vinci, a Monalisa, é apenas natural que o mundo queira recriar o icónico momento de estilo. 

4. Cardi B 

©Getty Images

Quando Invasion of Privacy começou a ecoar um pouco por toda a parte, não havia mais desculpas para não conhecer o nome Cardi B. Graças a temas como Bartier Cardi, Be Careful ou I Like It, sem esquecer as colaborações de sucesso com nomes como Maroon 5, Jennifer Lopez ou Selena Gomez e DJ Snake, a rapper subiu em todas as escalas e transformou-se numa artista de peso, com uma influência que se sente para além da música. 

"A Cardi B foi o rosto mais influente nas Semanas de Moda deste ano, ocupando a front row do desfile de Alexander Wang ao lado de Anna Wintour", defende a Lyst. "De Christian Siriano a Jeremy Scott, Cardi B aumentou as pesquisas de todos os designers que vestia. A Bardi é uma influência para diversas consumidoras; a sua colaboração com a Fashion Nova ajudou a aumentar as pesquisas da marca em massa", conclui o relatório da plataforma de pesquisa. 

3. Meghan Markle, Duquesa de Sussex 

©Getty Images

 

À semelhança do guarda-roupa mais arrojado da eterna Princesa Diana ou dos conjuntos mais clássicos de Kate Middleton, Duquesa de Cambridge, tudo o que Meghan Markle veste é um sucesso imediato. Um ano depois de ter confirmado o seu noivado com o Príncipe Harry, e apesar de manter um estilo mais sóbrio e clássico, não é difícil perceber o porquê da agora Duquesa de Sussex ocupar o terceiro lugar na lista divulgada pela Lyst. 

O chamado "efeito Meghan Markle" não é algo que deva ser substimado, e os números registados pela plataforma confirmam que continua a crescer. "Os coordenados usados por Meghan Markle no dia do seu casamento causaram picos enormes nas pesquisas por Givenchy e Stella McCartney, enquanto as suas escolhas do dia a dia inspiraram milhares de consumidoras a experimentarem um 'decote à barco' ou um 'vestido smoking'", pode ler-se no relatório da Lyst. "Em média, qualquer designer que Meghan Markle decidir vestir, a marca em questão irá sentir um aumento de mais de 200% de pesquisas na semana que se seguir". 

2. Kim Kardashian West 

©Getty Images

 

Uma página de Instagram com mais de 120 milhões de seguidores, um estilo que move mais 120 milhões de pessoas, uma marca de maquilhagem que representa um nome de peso na indústria da Beleza, e o primeiro Influencer Award atribuído pelos CFDA Fashion Awards. A carreira de Kim Kardashian West é carregada de conquistas, e a segunda posição numa lista de mulheres mais influentes não é surpreendente. 

"Kim Kardashian fez história este ano como a primeira premiada com o CFDA Influencer Award. 2018 também foi o ano em que Kim fez os calções de ciclista serem cool outra vez, fez-nos sentir algo por peças de swimwear em tons de néon, e foi responsável pelo regresso da tanga nos anos 90", explica o relatório da Lyst. "Kim Kardashian ajudou a recuperar o logo da Fendi quando publicou uma fotografia vestida num look total com o monograma FF 'Zucca', ajudando a impulsionar as pesquisas em 16% de mês para mês", conclui a plataforma. 

1. Kylie Jenner 

©Getty Images

Aos 21 anos, a mais nova das irmãs Kardashian-Jenner é responsável por um império e uma influência sem precedentes, e parece-nos seguro dizer que 2018 foi o ano de Kylie Jenner: a influenciadora foi capa da Forbes e mãe pela primeira vez, a sua marca homónima de maquilhagem, Kylie Cosmetics, é uma das mais requisitadas da indústria da Beleza, e os seus mais de 119 milhões de seguidores continuam a crescer, e a seguir todos os seus passos, dentro e fora das redes sociais. 

Os números anunciados pela Lyst não são surpresa, mas servem como mais uma confirmação do porquê de Kylie Jenner ser a figura mais influente desta lista. "Um verdadeiro camaleão de estilo, Kylie foi responsável por mais de dois milhões de pesquisas este ano, de fatos de treino da Adidas a óculos de sol da Dior, passando por lingerie da Victoria Secret ou vestidos mini de Alexander Wang", aponta a plataforma de pesquisa. "Graças ao vestido mini cor de rosa que usou na sua festa de aniversário, as pesquisas por 'vestido cor de rosa' aumentaram em 107% nas 48 horas seguintes". 

Se isto não é influenciar, não sabemos o que será.  

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Kylie (@kyliejenner) a

Artigos Relacionados

Tendências 14. 12. 2018

Belle de Jour: Meghan Markle

Embarcámos numa viagem pelo tempo e traçámos a evolução dos looks de Beleza de Meghan Markle, de atriz de sucesso na série Suits a Duquesa de Sussex.

Ler mais

Pessoas 30. 8. 2018

Chiara Ferragni | Profissão: influencer

“A roupa não significa nada até alguém a vestir”, disse Marc Jacobs – e Chiara Ferragni bem podia fazer copy+paste para a sua bio nas redes sociais. Empresária, eterna it girl, designer por conta própria e para a Intimissimi, falámos com a mulher que fez dos likes um full-time job.

Ler mais

Tendências 24. 8. 2018

Belle du jour: Blake Lively

Os longos fios de cabelo loiro são uma das suas características mais cobiçadas, mas não são o único statement que fazem de Blake Lively uma das mulheres mais bonitas do mundo. Percorremos o reportório da atriz ao longo dos anos, e reunimos alguns dos looks de Beleza mais memoráveis.

Ler mais

Notícias 9. 5. 2018

Kim Kardashian, a influencer

No próximo dia 4 de junho, a guru do universo digital irá receber o primeiro Influencer Award a ser atribuído pelos CFDA Fashion Awards. Haveria escolha melhor?

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK