Artigo Anterior

A atualização de um clássico

Próximo Artigo

Da natureza, com amor

Palavra da Vogue 29. 8. 2019

Horóscopo: as previsões para o mês de setembro

by Margarida Xavier Marante

 

Margarida Xavier Marante é a astróloga de serviço para responder a todos os signos, ascendentes e demais elementos estelares. Já sabe o que lhe reserva o mês de setembro?

Virgem, o signo do mês de setembro | ©Ilustração de Nuno da Costa

Chegámos a setembro. Poderão encontrar aqui um ombro amigo para aquela que é uma das épocas mais difíceis para a humanidade todos os anos: a ressaca de agosto. Os pés inchados das noitadas. A pele maltratada pelo sol. O cabelo a pedir um tratamento nutritivo. A somar a tudo isto, já vemos nas montras camisolas de manga comprida e echarpes de lã. Como assim? Afinal de contas, depois de agosto estamos reduzidos a uns meros corpos morenos e relaxados, e setembro aparece assim de repente, como quem tem hora marcada, montado num carrinho de choque a perguntar: “Preparados para mais uma voltinha?” Dito assim, o cenário parece um pózinho anti-ressaca demasiado forte, mas nem é tanto.

No céu temos energias do signo de Virgem que nos vão ajudar a colocar tudo em ordem e um pé à frente do outro. Respirem fundo. Vamos fazer isto assim de repente (como quem tira um penso rápido) e viajar diretamente para as previsões dos vossos signos em 3... 2... 1! (Não doeu nada). Venham daí.

VIRGEM

Virginianos: sem rodeios. O mês é vosso! 

Setembro é a maior wake-up call anual que enfrentamos e é precisamente por ser tão forte o desafio que os líderes são vocês. O zodíaco reuniu-se em concílio há uns dias e decidiu, por unanimidade, sufrágio secreto e universal (isto é tudo muito verídico), que sois vós, entre as mulheres, o bendito fruto do nosso céu durante setembro.

Os astros deste mês dão Sol, Mercúrio, Vénus e Marte, tudo no signo de Virgem, valha-nos Nossa Senhora. You run the place! Esta é a altura para acalmar os horários malucos e limar as arestas dos alter egos que tanto ergueram o peito o mês passado. Só de pensar no regresso ao trabalho, no recomeço da escola das crianças e no trânsito nas cidades... Ai que saudadinhas boas.

Saquem das agendas, checklists, calendários anuais. Todas as manias de organização virginianas vão ser como pistolas de cowboys. Portanto, façam a posição de remate à Ronaldo: perna aberta, peito hirto, uma mão em cada bloco de notas e vamos a isto, setembro!

BALANÇA

Meus anjos, vocês permanecem de olhar tranquilo, apesar de todos sabermos que começar o mês de setembro custa tanto como puxar as entranhas pelo colarinho e cortá-las em pedaços sem anestesia. Mas quem é que consegue tirar a pose a um nativo de Balança? Ninguém. Vocês passam pelas várias etapas do ano com graciosidade e uma carinha laroca até no meio do caos.

Todavia, atenção: as energias deste mês em Virgem estão em alta, como um dedo indicador gigante que veio apontar as nossas imperfeições e obrigar-nos a corrigi-las. Ah pois! Não há flores nem moedas para subornar os astros em Virgem a virarem a cara para o outro lado. 

Só a partir de dia 15 começam a ter algum desconto, quando Mercúrio, Vénus e o Sol transitarem para Balança e começar a época mais bonita dos nativos deste signo (mas vamos deixar isso para o horóscopo de outubro, se não estaríamos a praticar o spoiler, o pecado original da internet).

ESCORPIÃO

Escorpião é o signo da reciclagem! E Virgem é o signo da perfeição. Que tal somarmos 1+1 e aproveitarmos o tempo deste mês para vos tornar exímios na arte do ecoponto? Exato, também achámos brilhante. Marte rege Escorpião (em parceria com Plutão) e durante setembro vai andar virginiano. Caramba, com estes astros alinhados, se não é agora que nos esforçamos para disciplinar o estilo de vida e reduzir a pegada ecológica, quando vai ser, minha gente?

Prosseguimos para rever, já de seguida, alguns casos práticos.

Diários dos anos de faculdade, com as páginas pingadas por lágrimas: é papel, ecoponto azul.

Caixas de tupperware cujas tampas estão perdidas desde 1987: ecoponto amarelo.

Cartas de amor recebidas de ex-amores proibidos: ecoponto azul.

Revistas antigas da Vogue: esperem, como assim deitar fora? Façam o favor de emoldurar na parede.

(Estão a ir bem, queridos! Continuem a praticar.)

SAGITÁRIO

Pés à largura dos ombros. Costas direitas. Inspire fundo e leve os braços ao alto, direitinhos. É essa a posição para esticar a coluna depois da canseira que foi o mês passado.

Sobre setembro, first things first: Júpiter já não está retrógrado. É caso para comemorar. Contudo, as energias de Virgem são fortes este mês (especialmente até dia 15) e elas trazem mais disciplina, rigor e perfeccionismo: temas que estão longe de ser o modus operandi natural para Sagitário. Mas vá, sem stress. O poder de encaixe Sagitário-Virgem não é o mais cómodo, mas — quem sabe... — pode ser o “puxão de orelhas” que o teenager dentro de nós já precisava.

Aproveitem para reformular o que corre menos bem na vida (os leitores lá saberão o quê em concreto). A persistência e o engenho de setembro vão facilitar esse upgrade de lifestyle. Sejam vocês mesmos, mas, tipo, versão 2.0, percebem? Boa sorte!

CAPRICÓRNIO

Um bem haja nativos de capricórnio! Para vós, setembro traz-vos a mente analítica do signo de Virgem para a casa nove do mapa astral: a casa da filosofia e do sentido da vida.

Como já sabem, Virgem busca o arquétipo da perfeição em tudo o faz. Mas vá, sejam estrategas: virem o feitiço contra o feiticeiro e questionem o próprio regime totalitário de perfeição capricorniana. Muito confuso? Nós explicamos. Os capricornianos por vezes pecam em não relaxar o suficiente, nem curtir muito a vida, por causa do trabalho e das obrigações. Aproveitem para (re)pensar um pouco o estilo de vida. Afinem as prioridades com algum “sexto sentido” superior, pois acreditem: não vão encontrar o sentido da vida numa tabela Excel do computador.

AQUÁRIO

Leitores aquarianos, o mês que vos espera é caricato a nível espiritual.

As energias de Virgem manifestam-se na casa oito (das emoções mais profundas) e o querido regente Saturno continua em Capricórnio na casa 12 (da espiritualidade). É altura de receber o rigor virginiano e “arrumar a casa” do nosso espírito. Desafiem-se a passar alguns minutos por dia, em silêncio, para limpar a confusão interna. Experimentem a meditação. Comprometam-se algum tempo, de lábios selados. Peguem na vassoura, calcem as luvas e tragam o aspirador de baixo do braço: vem aí um mês de limpeza e remodelação que vai inspirar todo um novo programa de TV: “Querido, mudei a energia!”.

Depois de estar tudo a brilhar, não se esqueçam de nos convidar para um chazinho: se Aquário é interessante por natureza, arrumado por dentro deve ser uma maravilha!

PEIXES

As notícias são bombásticas! Alerta geral para todos os nativos de Peixes que, por algum motivo, se sentem encalhados: os astros no céu acionam fortemente o eixo relacional Peixes-Virgem, pelo que, com os olhinhos bem abertos, podem surgir oportunidades no amor.

Com os astros alinhados (e um jeitinho da vossa parte), é desta que a seta do cupido vai atravessar o oceano e acertar nos peixinhos tímidos que andam lá em baixo (escondidos por entre os recantos dos corais, que espertinhos). Sem medos, e se estiverem disponíveis, icem a bandeirinha branca. Marte e Vénus, em junção de esforços na casa sete (do relacionamento), pedem-vos para lançar os dados nesta área e pedir alguma sorte.

Mantenham aquele olhar desprevenido (mas aqui entre nós, já ficam à espera): se surgir uma boleia de um cavalo marinho ou de uma sereia, aproveitem para subir à superfície. Afinal de contas, os restaurantes românticos estão todos cá em cima!

CARNEIRO

Carneirinhos, doces criaturas do fogo.

Em geral, o nativo de Carneiro tem os instintos à flor da pele e, com o coração colado à boca, dificilmente evita dizer aquilo que surge à velocidade da luz nos seus pensamentos. Este mês, porém, o planeta Marte (regente de Carneiro) e Mercúrio (mestre da comunicação) transitam pelo céu no signo de Virgem, até ao dia 15 (data em Mercúrio avança mais um pouco até Balança). E que é que os astros pedem? Corrigir e aperfeiçoar os instintos, a maneira de ser, até ao mínimo detalhe. 

Preocupem-se em limar umas arestas, engraxar as botas da tropa, passar os cadernos a limpo... A metáfora que melhor serve esta ideia é: às vezes precisamos de abrandar a corrida para atar os atacadores; caso contrário, não diminuímos o risco de tropeçar. Esperamos que a metáfora encaixe e a carapuça sirva. Estamos aqui no final da linha de corrida, ansiosos por aplaudir os atletas de Carneiro que, como em quase tudo na vida, são os primeiros a chegar à meta. 

TOURO

Taurinos, taurinos, amáveis taurinos...

Regressar ao quotidiano de trabalho não é algo que assuste estes nativos. É preciso preparar a sala para o outono? Vamos a isso. Cozinhar as marmitas da semana? Considerem efetuado. Trocar a roupa da caminha para edredão? Afirmativo. 

O planeta Úrano neste signo deu adrenalina até aos taurinos mais sossegados. Podem ter até 10 mangas vestidas em cada braço. Quando for altura, vão ver que eles as arregaçam todas para pôr mãos à obra. As energias de Virgem deste mês vão aquecer a casa cinco (da criatividade). O que seria brilhante fazerem com isto? Darem corda aos talentos secretos que possuem. Quer seja tocar guitarra, origami, macramé ou fazer braço de ferro com os dedos dos pés!. Retirem do vosso leque infinito de dons algum especial que gostassem de desenvolver.

Setembro acorda as empresas. Se pesquisar na internet o seu hobbie preferido, apostamos que vai encontrar 1345 workshops para se inscrever! 

GÉMEOS

Ora boa tarde aos nossos intelectuais preferidos!

Gémeos e as suas mentes-maravilha: conhecem enciclopédias, instruções do IKEA, fascículos da Bíblia e as três fórmulas de Newton. Não precisamos de iClouds para a cultura geral, enquanto tivermos cérebros geminianos por esse mundo fora.

Até dia 15 de setembro, Mercúrio vai fazer a sua magia através do signo de Virgem e o melhor que podemos daí retirar é o dom do serviço (temática base deste signo). Façam um esforço para colocar esta sabedoria também ao serviço dos outros. E nunca esqueçam aquela pequena diferença que ensina o famoso provérbio chinês: melhor do que “dar um peixe” é “ensinar a pescar”. 

Depois de dia 15, Mercúrio caminha para Balança e, com a técnica de pesca já ensinada, passem à sessão de coaching: aquele apoio moral para encher chouriços, enquanto o peixe não morde o isco e o pescador parece desanimar.

CARANGUEJO 

Nativos de caranguejo, como correram essas férias?

Em setembro, mês campeão do retomar das rotinas, o normal é acordar e pensar logo em 15 cenários diferentes para reagir ao despertador matinal das 07h30 (já nos tínhamos esquecido que esta coisa de trabalhar acontece todos os dias úteis). Mas Caranguejo regressa ao trabalho como um verdadeiro chefe da claque: cheio de vontade de rever amigos e pôr a conversa em dia com toda a equipa. Os nativos de Caranguejo são os colegas generosos que marcam o almoço da rentrée da empresa e que oferecem o souvenir das férias.

Porque há energias de Virgem na casa três (da comunicação), é um tempo fabuloso para falar com os colegas e partilhar ideias. Invista nos coffee-breaks, nas small talks que surgem na copa e na cervejinha ao final do dia de trabalho: os astros de setembro trazem chuva de brainstorming! 

LEÃO

© Ilustração de Nuno da Costa

A grande estrela de agosto viveu o mês passado com fogo e ânimo. Agora, arrepia-se só de imaginar as primeiras brisas de outono. Pois é, vimos com pezinhos de lã falar de algo que vos é sensível: o final do verão.

A chegada de setembro é uma ameaça à sanidade mental de Leão. Ver as caipirinhas serem trocadas por chá verde e o reggaeton noturno pelo despertador matinal não é fácil, mas os Leões vão tentar manter um ar calmo, para que ninguém lhes perceba o nervosismo.

Um Sol em Virgem a transitar durante este mês pela casa 12 (a do espírito) pode dar-vos vontade de fugir do quotidiano chato que vem aí. Vão até sonhar em fugir já para as próximas férias tropicais nas Maldivas. Mas para os que resistirem e enfrentarem este mês com fé e esperança, parabéns! Vocês são valentes — e nós não esperávamos outra coisa.

 

Margarida Xavier Marante tem 24 anos e estuda Astrologia (nas palavras da própria, “uma ferramenta que pode ajudar a melhorar o olhar, a afinar a vista, a abrir horizontes e a mente”). É signo solar em Balança, ascendente em Aquário e Lua em Virgem. “Para os leitores mais acostumados à Astrologia, sabem que acabei de me confessar por completo. Para todos os outros, explico o seguinte: sobre o exagero de adjetivos, culpem o Sol; quanto aos detalhes muito cromos, culpem a Lua; se lerem algo meio estranho, culpem Aquário.” Mensalmente, assina o horóscopo do Vogue.pt.  

Artigos Relacionados

Palavra da Vogue 31. 7. 2019

Horóscopo: as previsões para o mês de agosto

Nesta nova rubrica do Vogue.pt, Margarida Xavier Marante é a astróloga de serviço para responder a todos os signos, ascendentes e demais elementos estelares. Já sabe o que lhe reserva o mês de agosto?

Ler mais

Tendências 28. 12. 2018

Escrito nas estrelas

As superstições são como aquele par de sapatos que andamos a namorar. Sabemos que não precisamos deles, e não conseguimos explicar, de forma lógica ou racional, o porquê de os querermos tanto. Mas o sentimento existe, e está em todo o lado – seja na Casa Branca, nos camarins de Hollywood, na indústria da Moda ou nas missões da NASA.

Ler mais

Tendências 29. 5. 2018

Astromania: 5 contas a seguir

Caso ainda não se tenha apercebido, a astrologia é a nova religião do séc. XXI.

Ler mais

Tendências 25. 5. 2018

A sorte está lançada

Seja através do tarot ou de qualquer outro movimento esotérico, a indústria da Moda tem sido influenciada por forças e elementos, uma relação que nos remete para os primórdios do século XX, quando Christian Dior visitou pela primeira vez uma vidente.

Ler mais

Este website utiliza cookies. Saiba mais sobre a nossa política de cookies.   OK