Artigo Anterior

Saldos: entre €50 e €100

Próximo Artigo

Back to the 80’s

Curiosidades 4. 1. 2018

Os momentos mais memoráveis dos Golden Globes

by Rui Matos

 

O que acontece nos Golden Globe Awards não fica no Hotel Beverly Hilton, onde acontece a cerimónia desde 1961. A poucos dias da 75ª edição do evento, recordamos os melhores momentos da entrega de prémios anual.

©GettyImages

É o arranque oficial da award season, que acontece todos os anos na primeira semana de janeiro. Enquanto as formalidades ficam para os Óscares, nos Golden Globe Awards reina a descontração - apostamos que o bar aberto da cerimónia seja o grande culpado pela diversão e  informalidade do certame. E este ano, as expectativas são ainda mais elevadas uma vez que é a primeira gala pós-Harvey Weinstein (o escândalo que abalou Hollywood em outubro de 2017).

A três dias da gala, que em 2018 vai ser apresentada por Seth Meyers, recordamos os momentos mais memoráveis de sempre dos Golden Globe Awards.


Christine Lahti, 1998

No final dos anos 90, a série Chicago Hope era uma das mais populares da estação norte-americana CBS. Lathi fazia parte do elenco do drama televisivo e, na edição de 1998, ganhou o Globo de Ouro de Melhor Atriz pela sua atuação na série. Quando a vencedora foi anunciada, a atriz estava na casa de banho e, assim que soube, teve que ir a correr para o palco fazer o discurso.

 Elizabeth Taylor, 2001

Como já é habitual, o cariz descontraído - e uma dose de álcool q.b. - parece dominar a cerimónia. A atriz norte-americana Elizabeth Taylor, que na edição de 2001 apresentou o vencedor na categoria de melhor filme, subiu ao palco um pouco desorientada. Este foi, e é até hoje, um dos momentos mais insólitos da gala.

Jodie Foster, 2013

Um dos prémios mais importantes da noite é o Cecil B. DeMille Award, que celebra a carreira de um ator. Em 2013, a galardoada foi Jodie Foster. Durante a discurso, a norte-americana que preza a sua privacidade, surpreendeu todos ao admitir a sua homossexualidade nas entrelinhas das suas palavras.

 Tina Fey, 2009

A norte-americana Tina Fey, que ganhou a estatueta dourada pela sua atuação em 30 Rock, em 2009,  fez um discurso com uma mensagem especial para os utilizadores das redes sociais. Num altura em que a Internet ainda era um universo pouco explorado, já havia pessoas a destilar ódio pelas redes socais do momento. "And the haters gone hate, hate, hate"

 Ricky Gervais

O ator britânico apresentou a cerimónia durante três anos consecutivos e, em todas as edições, as piadas feitas por Gervais foram alvo de críticas. “Ele disse mesmo isso?” foi a frase mais ouvida durante as galas onde foi anfitrião.

 O decote de Jennifer Lopez

Jeremy Renner e J.Lo foram a dupla responsável por entregar o prémio na categoria de Melhor Minissérie, na cerimónia de 2015. Lopez perguntou ao co-apresentador quem deveria anunciar o vencedor dizendo: “Queres que seja eu? Eu tenho unhas grandes”. Ao responder à cantora, o norte-americano olha para o decote da cantora e responde: “também tens os Globos de Ouro.”. A audiência parece não ter gostado do que ouviu, mas Jennifer Lopez alinhou na brincadeira.

Cniluxury - MRec

Artigos Relacionados

Agenda 2. 1. 2018

O que esperar de 2018

Na noite de 31 de dezembro recordaram-se os melhores momentos de 2017 e fizeram-se resoluções para o Ano Novo. Agora, no segundo dia de 2018, é tempo para perceber o que vai acontecer no panorama cultural e social durante os próximos 12 meses.

Ler mais

Tendências 20. 12. 2017

Women in black

Percorremos os melhores looks de Alta-Costura da estação com um objetivo em vista: encontrar os coordenados preto total que, muito provavelmente, irão desfilar na red carpet dos Golden Globe Awards 2018.

Ler mais

Notícias 15. 12. 2017

Award Season: o protesto

Para mostrar solidariedade para com as vítimas de abuso sexual, o género feminino veste-se de preto já no próximo dia 7 de janeiro, nos Golden Globe Awards.

Ler mais

Agenda 12. 12. 2017

Nomeados: Golden Globes Awards 2018

Já foram reveladas as nomeações para a primeira gala da award season que se avizinha: a 7 de janeiro de 2018, consagra-se o que melhor se fez na indústria do cinema e da televisão em 2017.

Ler mais