Diogo Miranda

Para celebrar os 10 anos da sua marca, Diogo Miranda superou-se numa coleção ultrasofisticada e sexy, que encontrou referências na provocação do fotógrafo Guy Bourdin. O criador brincou com os volumes em laços, folhos e ombros largos, exagerou na maquilhagem e nas proporções, jogou com as formas. É um novo capítulo na história de feminilidade e elegância que o designer contou na última década.    


Portugal Fashion 2017: Diogo Miranda

Diogo Miranda

Para celebrar os 10 anos da sua marca, Diogo Miranda superou-se numa coleção ultrasofisticada e sexy, que encontrou referências na provocação do fotógrafo Guy Bourdin. O criador brincou com os volumes em laços, folhos e ombros largos, exagerou na maquilhagem e nas proporções, jogou com as formas. É um novo capítulo na história de feminilidade e elegância que o designer contou na última década.    


25 Mar 2017 • 00 39 H



Portugal Fashion 2017: Diogo Miranda

pub
Faltam 300 caracteres
pub
pub
topo