Artigo Anterior

Réveillon: 5 opções de calçado raso - e em português

Próximo Artigo

My Little Pony

Curiosidades 28. 12. 2017

Best of: os melhores momentos na Moda em 2017

by Rui Matos

 

À parte de todos os escândalos de que viveu 2017, há uma lista de momentos inesquecíveis na indústria.

Um ano repleto de boas surpresas: o reencontro das supermodelos na primavera-verão 2018 de Versace, a diversidade nas passerelles, o Calendário Pirelli com um casting surpreendente e o lançamento de Kaia Gerber no mundo da Moda, uma mini supermodelo.

O reencontro

© ImaxTree

Para a estação quente de 2018, a italiana Versace decidiu homenagear Gianni Versace, o fundador que morreu há 20 anos assassinado à porta de sua casa, em Miami. O desfile trouxe versões atuais dos maiores sucessos da curta carreira de Versace, idealizados pela irmã Donatella. Mas o melhor ficou para o fim: o desfile foi encerrado pela famosa turma dos anos 90 – Naomi Campbell, Cindy Crawford, Claudia Schiffer, Carla Bruni e Helena Christensen – as cinco modelos fecharam o desfile ao lado de Donatella Versace, atual diretora criativa da Casa italiana. 

O casting de Moonlight protagoniza campanha para a Calvin Klein

A longa-metragem de Barry Jenkins consagrou-se a grande vencedora da última edição dos prémios da Academia, e no embalo com o sucesso do filme, o casting foi convidado para participar na campanha da primavera-verão de 2018 da norte-americana Calvin Klein Underwear.  Mahershala Ali, Ashton Sanders, Trevante Rhodes, e Alex Hibbert foram fotografados por Willy Vanderperre. 

A Women’s March chega à passerelle

© Getty Images

O ano de 2017 começou com protestos de apoio às mulheres um pouco por todo o mundo e depressa chegou às passerelles, em fevereiromais precisamente. A marca italiana Missoni mostrou solidariedade ao apresentar um gorro com orelhas de gato cor de rosa como forma de apoio a todas as mulheres que lutam pela igualdade de géneros.

A perda de uma lenda

© Getty Images

Azzedine Alaïa morreu aos 77 anos, em novembro, naquela que foi, provavelmente, a perda mais sentida da indústria no ano de 2017. Foi um revolucionário, nunca seguiu o calendário das Semanas de Moda e sempre soube como fazer uma mulher sentir-se poderosa – tudo através das suas criações. 

Kaia Gerber, a debutante

© ImaxTree

Aos 16 anos, a filha mais nova de Cindy Crawford fez sucesso no último ciclo de Semanas de Moda. A mini supermodelo vai ficar para sempre na memória dos entusiastas da indústria como uma estrela nasceu em 2017. Chama-se Kaia Gerber.

A location da primavera-verão de Saint Laurent

© Getty Images

Não foi preciso grande aparato, a paisagem idílica da Cidade Luz tratou de tudo: a Torre Eiffel destacou-se e, assim que as propostas de Anthony Vaccarello pisavam a passerelle, tudo o resto se iluminava ainda mais.

All black, Calendário Pirelli 2018

© Tim Walker

Em 45 anos de história, esta é a segunda vez que o Calendário anual escolhe protagonistas negras. Em 2018, as estrelas escolhidas incluem nomes como: Duckie Thot, Naomi Campbell, Diddy, Whoopi Goldberg, Thando Hopa ou Lupita Nyong'o. O tema escolhido foi a famosa história da Alice no País das Maravilhas, fotografado por Tim Walker.

Ashley Graham, a primeira modelo oversized a desfilar para Michael Kors

© Getty Images

Já aqui dissemos que Graham foi uma das modelos do ano de 2017, mas dizê-lo outra vez não custa nada. A norte-americana foi a primeira modelo curvilínea a desfilar para Michael Kors na Semana de Moda de Nova Iorque - e também fez capa para a Vogue US. 

Céline Dion, o ícone de Moda

© Getty Images

Não sabemos muito bem de onde é que surgiu, mas Céline Dion consagrou-se um verdadeiro ícone de Moda. O culpado desta mudança repentina é Law Roach, o seu novo stylist. Do dia para a noite, as escolhas de Dion passaram de confortáveis a risk-taking.

Off-White presta homenagem ao guarda-roupa de Princesa Diana

© ImaxTree

Para celebrar o 20º aniversário da morte da eterna Lady Di, Virgil Abloh, diretor criativo na Off-White, decidiu homenagear os coordenados mais icónicos da britânica que conquistou o coração de todo o mundo. Tailleurs, o padrão polka dot, os ombros exagerados e as silhuetas marcadas preencheram a passerelle da primavera-verão de 2018.

Gucci diz não ao pelo verdadeiro

© Getty Images

Em outubro, a italiana Gucci anunciou que vai deixar de utilizar pelo verdadeiro nas suas coleções, aliando-se à Fur Free Alliance. A marca italiana junta-se a nomes como Stella MCCartney, Giorgio Armani, Hugo Boss ou Net-a-Porter, que já tomaram a mesma posição.

Portugueses pelo Mundo

Portugal está cada vez mais em voga e, em 2018, vai ser não só o palco da conferência de luxo organizada pela Condé Nast - um anúncio feito em 2017 -, como recebemos pela segunda vez a Web Summit. Além disso, temos cada vez mais portugueses a dar cartas além-fronteiras.

Maria Miguel por Tomás Monteiro

Maria Miguel, a nossa capa de novembro, estreou-se nas passerelles da melhor maneira possível: Semana de Moda de Paris, primavera-verão 2018, Saint Laurent. Estas são as três palavras associadas à modelo de 16 anos que já tem contrato de exclusividade com a Casa francesa.

Isilda Moreira conquistou as passerelles da indústria nas principais capitais de Moda e, na Moda masculina, Francisco Henriques conquistou o coração de Paco Rabanne e protagonizou a campanha para o perfume Pure XS.

Outro português a fazer notícia no início do ano foi Manuel Arnaut, ao assumir o cargo de Diretor da Vogue Arabia. O português que já passou pelas redações da Vogue Portugal e da GQ Portugal, estava no Médio Oriente a dirigir a Architectural Digest. 

Cniluxury - MRec

Artigos Relacionados

Curiosidades 27. 12. 2017

As modelos de 2017 são…

É cada vez mais difícil conseguir um lugar ao sol no mundo das supermodelos. Mas há um grupo de modelos no caminho certo para o título

Ler mais

Tendências 21. 12. 2017

Best of: o top 10 dos itens de 2017

O capítulo 2017 está prestes a ser fechado. Mas antes de entrarmos em 2018, é preciso perceber quais foram os itens de Moda mais falados.

Ler mais