AORP x Vogue: joias à la carte

2. 4. 2018

 

Porque a ourivesaria e relojoaria made in Portugal serve-se para todos os gostos.

Diz-se que um homem se conquista pelo estômago, mas o coração de uma mulher também se derreteria facilmente se a gastronomia for toda como a que se serviu a semana passada, num serão com código de barras 560: a Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal (AORP) prepara-se para fazer viajar a nova campanha para a internacionalização dos criadores do setor, apropriadamente intitulada "À la Carte", um pouco por todo o globo. E quando o assunto é fazer chegar o nome de portugueses aquém e além fronteiras, a Vogue faz questão de estar presente. 

Com esse objetivo de promoção nacional e conquista de novos mercados em mente, criou-se o ambiente perfeito para servir em bandeja de ouro a mais apetecível joalharia: aquela que prima pela manualidade, aquela que é intemporal, aquela que tem tradição, a que tem contemporaneidade, design, história; a que tem passado, a que se impõe no presente, a que quer conquistar o futuro - a portuguesa.

O restaurante Prado, em Lisboa, serviu de palco para um jantar que se quis tão delicioso como precioso. Numa guestlist invejável de nomes fortes do panorama nacional das Artes, celebrou-se a versatilidade, o artesanato e, acima de tudo, a qualidade do que é "nosso" em matéria de pedras e metais preciosos.

Imagens © Alejandro Silva

Com o rótulo "À La Carte”, a sequência de imagens que dita a segunda campanha anual da Associação abre o apetite para um setor que revela uma insaciável fome de crescimento e expansão, adaptando-se às novas dinâmicas do mercado e ao gosto dos consumidores mais exigentes. Com Sónia Balacó a suceder a Milla Jovovich como rosto das imagens para 2018, Ana Freitas, Presidente da AORP, e Fátima Santos, Secretária Geral, explicaram à Vogue que a escolha pelo rosto nacional foi fácil e imediato, por tudo o que representa enquanto mulher e profissional, mas também por se juntar a uma equipa da bastidores toda ela nacional: com Frederico Martins por detrás da câmara fotográfica e a dupla Ana Neto e Joana Lima, da S.P.O.T., como responsáveis pela cenografia, o made in Portugal não se esgota nos produtos estrela da AORP.

"Esta campanha insere-se no âmbito do nosso projeto de internacionalização para 2017/2018, o mais completo e ambicioso de sempre, que irá abranger 41 ações em 17 mercados e envolver mais de 50 empresas”, explica Fátima Santos, sobre a série de fotografias no âmbito do projeto de internacionalização “560 Jewellery: Made (and Designed) in Portugal", cofinanciado pelo Portugal 2020 e que envolve um investimento global de 2,5 milhões de euros.

Para a sessão fotográfica, foram selecionadas dez marcas que representam a nova joalharia portuguesa numa espécie de cartão de visita da AORP, que é a Associação mais abrangente Portugal (representa todos os designers e marcas do setor). Carlton Jewellery, Filipe Fonseca, Iglezia, Joana Mota Capitão, Mimata, Portugal Jewels, Razza Joias, Rosarinho Cruz, Sara Sousa Pinto e Sopro Jewellery compõem a lista de nomes que pode conhecer na nova campanha - e que a Vogue divulga na íntegra na próxima edição de maio.

Até lá, abra o apetite com as imagens do evento no vídeo e galeria acima.